Cobertura da ONU News sobre a Covid-19
O surto foi notificado, primeiramente, em Wuhan, na China, em 31 de dezembro de 2019.

Esta seção traz informações e diretrizes sobre a Organização Mundial da Saúde e as Nações Unidas a respeito da nova cepa do coronavírus (2019-nCoV), registrada em Wuhan, em dezembro.  Acesse aqui para atualizações diárias. A OMS está atuando de perto com especialistas, governos e parceiros para levar conhecimento científico e informações ao maior número de pessoas. A agência também quer rastrear a disseminação e a virulência da Covid-19 para fornecer aconselhamento aos países e indivíduos sobre as medidas a tomar na proteção da saúde e na prevenção do vírus.

OMS: decisão dos EUA de apoiar coalizão global de vacinas ajudará a vencer pandemia
BR

Diretor-geral da Organização Mundial da Saúde, Tedros Ghebreyesus, saudou passo dado pelo novo presidente Joe Biden; em reunião virtual nesta quinta-feira, em Genebra, representante do governo americano, o médico Anthony Fauci, informou que o país vai aderir ao esforço global do mecanismo de vacinas Covax para derrotar a Covid-19.

Organização Pan-Americana da Saúde reforça equipe em Manaus contra crise de Covid-19 
BR

Estado do Amazonas sofre colapso do sistema de saúde, acumulando recordes de casos do novo coronavírus e mortes por falta de oxigênio nos hospitais; além da Opas, várias agências da ONU estão no terreno ajudando os grupos mais vulneráveis. 

Entrevista: OIM quer inclusão de migrantes na imunização contra Covid-19

Diretor-geral da Organização Internacional para Migrações, António Vitorino, fala à ONU News, de Genebra, sobre a necessidade de vacinar os migrantes como parte dos planos nacionais de imunização. Ele relembrou o apelo do secretário-geral da ONU de que “ninguém estará seguro até que todos estejam seguros”. Veja a íntegra da entrevista feita por Yasmina Guerda

Chefe da OMS alerta contra “fracasso moral” da vacinação contra Covid-19 
BR

Até o momento, mais de 39 milhões de doses foram administradas em pelo menos 49 países de alta renda; já na Guiné-Equatorial, uma nação de baixa renda, apenas 25 doses foram distribuídas, diz chefe da agência, Tedros Ghebreyesus.

Jordânia é um dos primeiros países a vacinar refugiados contra Covid-19
BR

Segundo Agência da ONU para Refugiados, das 90 nações com estratégias de vacinação, mais da metade se comprometeu a imunizar refugiados; chefe do Acnur diz que isso é necessário para manter todos seguros. 

Mundo chega a 2 milhões de mortos por Covid-19
BR

Neste 15 de janeiro de 2021, o número de mortes globais por Covid-19 chegou a 2 milhões. Em mensagem, o secretário-geral, António Guterres, diz que por trás desse número impressionante estão nomes e rostos. Ele disse ainda que "infelizmente, o impacto mortal da pandemia foi agravado pela ausência de um esforço global coordenado". Acompanhe no vídeo e leia o texto na íntegra. 

Relatores pedem a Israel que assegure imunização de palestinos contra Covid-19
BR

Grupo elogiou país por ser o único a imunizar o maior número de cidadãos até agora; mas especialistas estão preocupados com vacinação para os moradores dos territórios palestinos de Gaza e Cisjordânia.

Cerca de 1,8 bilhão de pessoas dependem de instalações de saúde onde falta água
BR

Ausência do serviço coloca pessoal de saúde e pacientes sob alto risco de contraírem a Covid-19 e outras infecções; alerta é da Organização Mundial da Saúde e do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef.

Casos de Covid-19 sobem em praticamente todos os países das Américas  
BR

Na semana passada, foram 2,5 milhões de notificações, o maior número de novos casos desde o início da pandemia em março; apesar do início da imunização em algumas nações, não existem doses suficientes para controlar o avanço do vírus; agência da ONU diz que sem ação, este ano pode ser pior que 2020. 

OIT revela tendência de aumento do trabalho em casa para os próximos anos 
BR

Em novo relatório, Organização Internacional do Trabalho diz que esses casos são de menos proteção social, salários menores e maiores riscos de segurança e saúde; antes da pandemia, já havia 260 milhões de pessoas trabalhando em casa em todo o mundo.