Top News

Haiti: deportações em massa e falta de combustíveis aprofundam crise
BR

Relatores da ONU* condenam repatriamento dos Estados Unidos dizendo que ações ferem os direitos humanos; falta de acesso a combustíveis, causada por bloqueios em estradas, pode levar hospitais a parar com atendimentos e causar mortes de pacientes.

Sugestão de Editores

Reportagens

Crianças menores de cinco anos entre as mais afetadas pela desnutrição no Madagáscar.
Foto: © WFP/Tsiory Andriantsoarana
Crianças menores de cinco anos entre as mais afetadas pela desnutrição no Madagáscar.

Madagascar: seca severa poderá causar a primeira situação de fome por mudança climática
BR

Clima e Meio AmbienteMais de 1 milhão de pessoas no sul do país africano estão com dificuldades para ter o suficiente para comer; Programa Mundial de Alimentos destaca que famílias de áreas rurais estão tomando medidas desesperadas para sobreviver, comendo gafanhotos e folhas de cacto. 

Galeria de Fotos

Soldados de paz pefilados em formatura de guarda de honra na base da Minusca em Bangui, na República Centro-Africana
Minusca/Leonel Grothe

Soldados de Paz de Portugal: servindo o povo da República Centro-Africana

As forças de paz portuguesas desempenham um papel fundamental na proteção de civis na República Centro-Africana, no âmbito da missão da ONU no país, a Minusca.

Mais notícias

Evento contou com a participação da Orquestra Filarmônica Goyang e a banda K-pop aespa
SBS Medianet

K-pop é destaque em evento que celebra Dia das Nações Unidas
BR

Cultura e educação Promovido pela Coreia do Sul, evento contou também com a participação da Orquestra Filarmônica Goyang; país ainda comemorou os 30 anos de adesão à ONU; secretário-geral pediu mais solidariedade e esforços para uma recuperação equitativa do mundo.

Crianças menores de cinco anos entre as mais afetadas pela desnutrição no Madagáscar.
Foto: © WFP/Tsiory Andriantsoarana

Madagascar: seca severa poderá causar a primeira situação de fome por mudança climática
BR

Clima e Meio Ambiente Mais de 1 milhão de pessoas no sul do país africano estão com dificuldades para ter o suficiente para comer; Programa Mundial de Alimentos destaca que famílias de áreas rurais estão tomando medidas desesperadas para sobreviver, comendo gafanhotos e folhas de cacto.