ONU 75: pesquisa diz que 95% de entrevistados apoiam cooperação para resolver desafios globais
BR

20 abril 2020

Resultado preliminar de inquérito será seguido de dados recolhidos ao longo deste ano; participantes priorizaram proteção ambiental, direitos humanos, menos conflitos, acesso a serviços básicos e discriminação zero.

O apoio público à cooperação internacional está aumentando em meio à turbulência global, segundo os dados preliminares de uma pesquisa publicada pela ONU esta segunda-feira para marcar 75 anos da organização.

Dados de 186 países indicam apoio público em massa  à cooperação internacional, com um aumento significativo desde o início da pandemia de covid-19. A iniciativa é a maior pesquisa realizada pela ONU para reunir opiniões de todo o mundo sobre os desafios globais.

Pesquisa

Os primeiros resultados foram recolhidos entre 1 de janeiro e 24 de março e incluem respostas de mais de 40 mil pessoas. Também reúnem informações dos mais de 330 diálogos que ocorreram em 87 Estados-membros.

Quase todos os participantes, 95%, concordam com a necessidade de os países cooperarem para responder a desafios globais, com um aumento notável desde o final de fevereiro, quando os efeitos da pandemia se tornaram mais fortes. O apoio atravessa faixas etárias e níveis de educação.

Propostas

Em relação a soluções, as ideias mais repetidas pedem cooperação internacional mais forte com a sociedade civil e o setor privado e maior envolvimento de mulheres, jovens, povos indígenas e grupos vulneráveis.

Para os participantes, o clima e o meio ambiente são os temas que mais afetarão o futuro da humanidade, recebendo mais que o dobro das respostas de qualquer outra questão. Conflitos e violência ficaram em segundo lugar e os riscos para a saúde em terceiro lugar, tendo aumentado muito desde o início de março.

As cinco principais prioridades sugeridas foram: proteção ambiental, promoção dos direitos humanos, menos conflitos, acesso igual a serviços básicos e discriminação zero.

Em nota, o secretário-geral da ONU, António Guterres, disse que aguarda “com expectativa” os resultados finais do estudo. Para ele, a ONU deve usar o 75º aniversário para “refletir sobre a cooperação multilateral de que o mundo precisa neste momento, tanto na resposta à pandemia quanto na conquista dos objetivos de longo prazo para as quais as Nações Unidas foram fundadas.”

Comemoração

Todas as pessoas podem participar na pesquisa, respondendo a um questionário de um minuto, que está disponível em 53 línguas. Também estão previstos diálogos, que neste momento acontecem através da internet, organizados por parceiros em todo o mundo.

Esses dados serão completados com nova pesquisa acadêmica e uma análise de mídia e redes sociais conduzida em cerca de 70 países. Os resultados serão apresentados em setembro de 2020, na comemoração oficial do 75º aniversário. Depois, será produzido um relatório sobre a melhor forma de responder às preocupações dos cidadãos do mundo, que deve ser publicado em janeiro de 2021.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud