ONU abre candidaturas para concurso Jovens Campeões da Terra

31 janeiro 2019

Idade dos candidatos deve estar entre 18 e 30 anos; inscrições decorrem até 31 de março; vencedores recebem US$ 15 mil para desenvolvimento da ideia e US$ 9 mil para comunicação, além de formação, orientação e convites para eventos.

As Nações Unidas abriram as candidaturas para o concurso Jovens Campeões da Terra. A distinção é a mais importante da organização para empreendedores ambientais com idade entre 18 e 30 anos.

Cada um dos sete vencedores receberá US$ 15 mil para desenvolver seus projetos e US$ 9 mil para investir em comunicação e comercialização, além de formação, orientação e convites para participar de reuniões de alto nível da ONU.

Concurso

Lançado em 2017, o prémio Jovens Campeões da Terra é inspirado na distinção Campeões da Terra, que é aberta a pessoas de todas as idades e continua sendo a maior honra ambiental das Nações Unidas.

Com esta iniciativa, o Programa da ONU para o Meio Ambiente, Pnuma, procura envolver jovens visionários e motivar a próxima geração de criadores de mudanças e líderes de pensamentoe.

A diretora executiva do Pnuma, Joyce Msuya, disse que o prêmio “combina dois ingredientes fundamentais para salvar o planeta, a inovação e o impulso dos jovens.” A representante diz que os dois são necessários “em igual medida para enfrentar os desafios ambientais mais urgentes do planeta.”

Objetivos

Com a mudança climática ameaçando a existência de ecossistemas e sociedades, os organizadores da competição esperam encontrar pessoas que vejam além da crise e tenham a coragem de inventar um futuro com uma nova economia e mais verde.

Em nota, o Pnuma diz que os vencedores “receberão uma plataforma para se tornarem agentes de mudança, protegendo o meio ambiente através de suas ideias revolucionárias e inovações radicais para pessoas, planeta e até mesmo lucro.”

O prêmio é oferecido pela Covestro, uma fabricante de materiais para o desenvolvimento sustentável. O diretor executivo da empresa, Markus Steilemann, disse que “o envolvimento dos últimos dois anos demonstrou quanta preocupação, e compromisso, os jovens têm sobre o futuro do planeta.”

Ideias

O Pnuma anunciou que, nas duas primeiras edições, recebeu “ideias corajosas respondendo a numerosas metas de desenvolvimento sustentável, usando inovações de alta e baixa tecnologia.”

A agência destaca exemplos como jardins de telhados que combatem a poluição do ar, uma aplicação móvel que ajuda a influenciar o consumo sustentável das pessoas, cultivo de corais para restaurar recifes, roupas ecológicas e uma tecnologia que filtra e converte 90% de partículas de geradores a diesel em tinta de impressora.

Candidaturas

Após o fim do período de candidaturas, um júri global selecionará os sete vencedores de 2019. Cada um deles deve implementar a sua ideia e manter a ONU e parceiros atualizados sobre o progresso, produzindo vlogs e blogs.

Os interessados em participar têm até 31 de março de 2019 para fazer a inscrição.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

ONU oferece bolsas a jornalistas de África e da América do Sul

Profissionais do Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe podem concorrer; selecionados terão oportunidade de acompanhar a 74ª sessão da Assembleia Geral da ONU.