Países doadores devem aumentar apoio aos Territórios Palestinos, diz ONU

22 agosto 2018

A recente escalada da violência no Oriente Médio e a situação humanitária nos Territórios Palestinos foram tema de uma reunião, no Conselho de Segurança, nesta quarta-feira; apelo foi feito pela subsecretária-geral de Assuntos Políticos, Rosemary DiCarlo.

A ONU pediu a israelenses e palestinos que façam todo o possível para garantir que suprimentos  humanitários cheguem à Faixa de Gaza. A situação na região agravou-se, nas últimas semanas, com a interrupção da passagem de combustível e outros itens básicos para a área palestina.

O tema foi debatido no Conselho de Segurança, nesta quarta-feira, em Nova Iorque.

Projetos

A melhoria da situação socioeconômica das mulheres palestinas, por exemplo, é fundamental para a paz e a estabilidade na região. A opinião é da subsecretária-geral para Assuntos Políticos, Rosemary DiCarlo, que discursou na reunião.

Ela lembrou medidas recentes tomadas pela ONU para apoiar os palestinos como  criação de emprego, projetos de energia, água e saúde, que contam com a cooperação da Autoridade Nacional Palestina e da comunidade internacional.

A chefe do Departamento de Assuntos Políticos disse que os países doadores devem aumentar seu apoio financeiro aos Territórios Palestinos como uma forma de aliviar a crise humanitária.

O coordenador para o Processo de Paz no Oriente Médio, Nickolay Mladenov, já iniciou contatos com o Egito e outros atores regionais e internacionais para ajudar com uma solução política para o conflito.

Cruzamento

DiCarlo lembrou que a situação humanitária está se deteriorando nas últimas semanas, em parte por causa das restrições que Israel impôs ao movimento de mercadorias no cruzamento de Kerem Shalom.

Apesar da reabertura da passagem, as autoridades israelenses fecharam, no domingo, o cruzamento de pedestres de Erez, para os moradores de Gaza e da Cisjordânia, salvo apenas casos humanitários.

Rosemary DiCarlo disse que enquanto se trabalha para que as passagens sejam reabertas, como previsto na resolução 1860 do Conselho de Segurança, é preciso que os suprimentos humanitários urgentes tenham trânsito livre na Faixa de Gaza.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud