ONU e Caribe em campanha por saúde mental em meio a Covid-19 e estação de furacões
BR

29 julho 2020

Iniciativa “Juntos Somos Mais Fortes” foi lançada em Bridgetown, capital de Barbados, pela Organização Pan-Americana da Saúde, Opas, e pelo Banco Caribenho de Desenvolvimento, CDB; estresse, ansiedade, medo e depressão são alguns dos efeitos das consequências da pandemia e do risco de desastres naturais.

 “Juntos Somos Mais Fortes” ou “Stronger Together” é o tema de uma campanha dos países caribenhos com as Nações Unidas para promover bem-estar e saúde mental na região.

A iniciativa foi lançada em Barbados, nesta segunda-feira, para assistir comunidades e apoiar estratégias positivas contra estresse e crises. 

A iniciativa foi lançada em Barbados. Foto: ONU

Reações

A campanha pretende ajudar os países a responderem melhor aos desafios impostos pela pandemia da Covid-19 e a nova estação de furacões na região, que começou em junho. 

O objetivo é chamar a atenção para a importância da saúde mental e de obter informações de apoio psicossocial.

A coordenadora sub-regional da Opas no Caribe, Jessie Schutt-Aine, afirmou que a pandemia transformou a vida das pessoas de forma ímpar causando reações de medo, depressão, preocupações e ansiedade. Segundo ela, todos esses sintomas podem se agravar com a chegada dos furacões e o risco de desastres naturais.

Para ela, a parceria do BCD com a agência da ONU pode ajudar a criar resiliência mantendo as pessoas calmas, conectadas, seguras e com esperança.

Trabalhadores de saúde

A campanha Juntos Somos Mais Fortes também quer combater os estigmas associados à busca por serviços de saúde mental. O foco são as pessoas vulneráveis como crianças e adolescentes, mulheres e idosos, assim como os que vivem com alguma deficiência. Outros alvos da iniciativa são os trabalhadores de saúde e pacientes que já têm algum problema de saúde.

A parceria quer iniciar um diálogo sobre temas como gênero, os diferentes papéis de homens e mulheres na família e na comunidade, o aumento da violência de gênero durante a pandemia e a importância de que todos os produtos de informação e comunicação sejam acessíveis a quem vive com deficiência.

PMA/David Fernandez
Em maio, milhares de pessoas em El Salvador perderam seus meios de subsistência como resultado da tempestade tropical Amanda.

Rádio e redes sociais

A campanha é parte de um projeto da Opas com o Banco Caribenho sobre saúde mental e apoio psicossocial em gerenciamento de desastres e ocorre após um treinamento sobre o tema para jornalistas e comunicadores de saúde. 

O Juntos Somos Mais Fortes segue até 20 de novembro e inclui um livreto sobre primeiros socorros psicológicos. 

O material tem uma versão de áudio e um livreto ilustrado. Outros recursos são pacotes de redes sociais, anúncios de rádio, matérias de interesse humano e até um jingle de rádio para ser veiculado em toda a região do Caribe.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud