Ban debate crise de refugiados e Agenda 2030 com primeiro-ministro da Grécia
BR

18 junho 2016

Secretário-geral reuniu-se com Alex Tsipras e falou a jornalistas em Atenas antes de visitar campo de refugiados na ilha de Lesbos.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, reuniu-se neste sábado com o primeiro-ministro da Grécia, Alex Tsipras.

Ban chegou ao país na tarde de sexta-feira para uma série de encontros com autoridades incluindo o presidente grego  antes de embarcar para uma visita a ilha de Lesbos.

Solidariedade

O local está abrigando refugiados tentando escapar do conflito na Síria e outras partes do mundo.

O líder das Nações Unidas foi recebido pelo premiê e concedeu uma entrevista a jornalistas na capital grega, Atenas.

Ban elogiou o apoio recebido e ressaltou a contribuição do país à Agenda 2030, de desenvolvimento sustentável e à situação atual dos refugiados abrigados pela Grécia.

O secretário-geral agradeceu ao povo grego pela "tremenda solidariedade e compaixão que tem demonstrado aos refugiados" e afirmou que a Grécia precisa do apoio de todos.

Mortes

Ele disse que o país tem exercido sua cidadania global mesmo enfrentando desafios econômicos para salvar as vidas daqueles que estão escapando de guerras e perseguições.

Ban contou que continua "profundamente angustiado" com o número de mortes no Mediterrâneo de pessoas que fogem dos conflitos em seus próprios países.

Os dois líderes também debateram a necessidade de uma solução urgente para a guerra na Síria, que começou em março de 2011, e os recentes ataques terroristas.

Dedicação

Ban falou da dedicação durante 24 horas por dia de trabalhadores humanitários e do pessoal da Agência da ONU para Refugiados, Acnur, para atender a quem precisa.

Tsipras e Ban também discutiram os avanços nas conversações de paz entre cipriotas gregos e turcos a respeito de Chipre.

O primeiro-ministro grego lembrou dos desafios macroeconômicos que seu país tem enfrentado e pediu o apoio das Nações Unidas no cenário internacional.

No início da entrevista a jornalista, Ban recebeu das mãos de Alex Tsipras um colete salva-vidas e agradeceu afirmando que por não saber nadar ele faria bom uso do presente ao utilizar uma embarcação.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud