Missão da ONU na República Centro-Africana sofre emboscada em Bangui

15 outubro 2014

Quatro soldados de paz foram feridos na ação, sendo três por granada e um baleado; elementos anti-Balaka atacaram a patrulha e houve troca de tiros.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque. 

A Missão Integrada da ONU de Estabilização na República Centro-Africana, Minusca, foi atacada esta quarta-feira. Uma patrulha da missão circulava pelo bairro de Combattant, na capital Bangui, quando sofreu a emboscada.

Segundo a Minusca, a ação foi levada a cabo por elementos anti-Balaka e houve fogo cruzado com os soldados de paz da ONU. Durante o ataque, três capacetes azuis foram feridos por uma granada e um outro por um tiro.

Civis

Os soldados foram transportados de imediato ao hospital da missão e estão a receber tratamento médico.

A emboscada acontece um dia após o Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, relatar cerca de 6,5 mil novos deslocados internos que deixaram Bangui.

Leia também:

Situação permanece tensa em Bangui, com 6,5 mil novos deslocados

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud