FAO começa distribuição de emergência de sementes no Haiti
BR

6 dezembro 2016

Segundo agência da ONU, o furacão Matthew impactou fortemente a agricultura e 1,4 milhão de pessoas precisam de assistência alimentar; preocupação atual é com a chegada do inverno.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, começou a fazer uma distribuição de emergência de sementes para os agricultores do Haiti.

Segundo a agência, será difícil garantir as colheitas de inverno após o furacão Matthew ter passado pelo país em outubro, causando perdas de US$ 580 milhões para o setor agrícola.

Batata doce

Em Grand’Anse, uma das áreas mais atingidas pelo furacão, a FAO já entregou 15 toneladas de sementes, suficientes para produzir 75 toneladas de vagem e 90 toneladas de feijão de lima, que crescem em um ciclo curto e são ideias para plantios de emergência.

Os agricultores também receberão mais de 2,2 milhões de fatias de batata doce, para que sejam plantadas durante o inverno. Até meados de dezembro, a ação da FAO deverá ter beneficiado mais de 125 mil pessoas.

Com a entrega de sementes e de ferramentas para o plantio, a FAO espera que as famílias afetadas pelo desastre natural consigam produzir seus alimentos e retomar seus meios de subsistência.

Parceria

A agricultura familiar é a primeira fonte de alimentos para a maioria dos haitianos, mas o furacão Matthew destruiu quase 90% das colheitas. A FAO destaca que 1,4 milhão de pessoas precisam de assistência alimentar no país, sendo que 800 mil estão em situação de urgência.

A FAO está colaborando com o Programa Mundial de Alimentos, PMA, que fornece assistência alimentar para as mesmas famílias que recebem as sementes.

A agência da ONU revela que a temporada agrícola da primavera 2017 será fundamental para o Haiti, pois nesta época o país produz 60% dos alimentos para o ano todo.

A FAO havia pedido US$ 9 milhões para auxiliar 300 mil haitianos afetados pelo furacão, mas ainda precisa receber US$ 5,6 milhões, valor essencial para fornecer mais apoio para os agricultores, pescadores e criadores de gado.

Leia e Ouça:

Ban pede desculpas pelo cólera no Haiti e anuncia novo plano de combate

ONU contará com contribuições para realizar estratégia contra cólera no Haiti

Investimentos na paz do Haiti devem ser preservados, diz embaixador

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud