No Paquistão, chefe da ONU pede mais medidas globais sobre ODSs e mudança climática
BR

16 fevereiro 2020

António Guterres destaca que é preciso solidariedade apoiada por uma ação; secretário-geral quer caminhada sobre os trilhos em áreas como combate à fome, desigualdade, biodiversidade e ação climática.*

O primeiro dia do secretário-geral das Nações  Unidas, António Guterres, no Paquistão foi marcado pela intervenção na palestra especial sobre Desenvolvimento Sustentável e Mudança Climática.

No país asiático, o chefe da organização elogiou o primeiro-ministro paquistanês, Imran Khan, por priorizar a ação sobre a mudança climática. Este foi o tópico principal do discurso do líder do Governo do Paquistão na Assembleia Geral da ONU, em setembro passado. O país copreside o Fundo Verde para o Clima.

Plásticos 

Guterres mencionou ainda a poluição por plásticos como “uma das principais preocupações atuais”, em especial para a proteção dos oceanos. Carregando uma sacola de tecido, ele apelou aos presentes a usar este material ao fazer compras.

O secretário-geral António Guterres (centro) participa de uma cerimônia de plantio de árvores com Makhdoom Shah Mahmood Hussain Qureshi (segundo da direita), ministro de Relações Exteriores do Paquistão., by Mark Garten

Para o secretário-geral, a resposta para a crise climática global é a solidariedade apoiada por uma ação nessa mesma dimensão.

Em relação ao cumprimento da Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável, Guterres lembrou que os desafios atuais ao desenvolvimento sustentável e progresso humano não obedecem fronteiras. Ele destacou que esses objetivos “não estão confinados a nações individuais.” 

De acordo com o chefe da ONU,  o Paquistão foi uma das primeiras nações a implementar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, ODSs, inclusive através de um programa nacional de alívio da pobreza.

Juventude 

Com a iniciativa Ehsaas, ou compaixão, o país quer alargar as redes de proteção e segurança social e apoiar o desenvolvimento humano. O Paquistão aposta num programa nacional de desenvolvimento para criar 10 milhões de empregos para jovens em cinco anos. A iniciativa é denominada Kamyab Jawan.

Guterres lembrou que à escala global, os avanços na Agenda 2030 ainda “estão fora dos trilhos” especialmente em áreas como combate à fome, desigualdade, biodiversidade e ação climática.

Para o chefe da ONU, a desigualdade de gênero impede que mulheres e meninas usufruam seus direitos e oportunidades em setores como empresariado, habitação, educação, governo, tecnologia em todo o mundo. 

O representante frisou ainda que as populações vulneráveis continuam correndo o risco de ser esquecidas. Entre os principais afetados pela situação estão migrantes, jovens e pessoas com deficiência.

António Guterres fez um apelo global urgente por mais ambição na ação climática., by May Yaacoub/ONU News

Ele sublinhou que os esforços coletivos ainda “não chegaram à dimensão necessária para cumprir os ODSs até 2030”.

Mudança climática

No evento também discursou a ministra de Estado sobre a Mudança Climática do Paquistão. Zartaj Gul mencionou as medidas do governo paquistanês para enfrentar os desafios nessa área.

O conselheiro do primeiro-ministro do país sobre a Mudança Climática, Malik Amin Aslam, enfatizou que existe fragilidade em relação aos desastres climáticos. Ele observou que seu país é o quinto país mais vulnerável a esses efeitos.

Ainda neste domingo, o secretário-geral da ONU falou a jornalistas acompanhado pelo ministro das Relações Exteriores do Paquistão, Shah Mehmood Qureshi. Guterres agradeceu a hospitalidade do Paquistão com os refugiados afegãos.

Na segunda-feira, a cidade de Islamabade recebe a Conferência Internacional sobre os 40 anos de acolhimento de refugiados afegãos no Paquistão: uma nova Parceria para a Solidariedade”. O evento é organizado pelo governo do Paquistão e pela Agência da ONU para Refugiados, Acnur.

Compaixão

Na véspera do início do evento, o secretário-geral ouviu relatos, expressou solidariedade e compaixão com a causa das pessoas que pedem abrigo acompanhado pelo  alto comissário da ONU para os Refugiados, Filippo Grandi. Na reunião estiveram três gerações de afegãos que tiveram abrigo no Paquistão.

Guterres disse ter sido inspirado pela coragem dos paquistaneses durante seu mandato como alto comissário da ONU para Refugiados. Os motivos da sua admiração foram a resiliência, coragem, determinação, generosidade e solidariedade com refugiados.

 O secretário-geral respondeu a uma questão sobre a área disputada entre a Índia e o Paquistão e as medidas para garantir uma resolução da questão com o apoio da ONU. Ele disse ter oferecido os seus bons ofícios em relação à situação, que no entanto só podem funcionar quando forem “acolhidos pelos dois lados”. 

Respeito

Guterres reiterou que devem ser implementadas as resoluções do Conselho de Segurança que preveem o diálogo, o total respeito aos direitos humanos e das liberdades fundamentais em Jammu e Caxemira.

Sobre a violação do cessar-fogo, o chefe da ONU destacou que fez uma visita ao Grupo de Observadores Militares das Nações Unidas na Índia e no Paquistão, Unmogip. 

Para ele é importante que haja total liberdade de movimento dos dois lados envolvidos e a “ONU reforçará sua capacidade em equipamentos para melhor implementar o seu mandato”.
No Paquistão, Guterres deverá interagir com parlamentares, jovens, forças de paz da ONU, refugiados e crianças durante palestras sobre juventude,  celebração dos 75 anos da ONU e manutenção da paz.

*Com reportagem de May Yaacoob, enviada especial da ONU News ao Paquistão.
 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

Guterres cita vulnerabilidade do Paquistão, mas destaca ambição em prol da ação climática

Secretário-geral reitera responsabilidade dos emissores de carbono e setores industriais em limitar aquecimento global em 1,5º C ; temas como refugiados, paz regional e ODSs dominam visita do chefe da ONU ao país asiático.

António Guterres inicia viagem oficial ao Paquistão

Secretário-geral tem reuniões agendadas com presidente do país, primeiro-ministro e chefe das Relações Exteriores; ele também comparecerá a evento sobre mudança climática e conhecerá de perto campanha contra a poliomielite.