Um em cada seis idosos é vítima de abuso

15 junho 2019

Dia Mundial da Conscientização da Violência contra as Pessoas Idosas é marcado a 15 de junho; número de pessoas com mais de 60 anos deve passar dos 900 milhões em 2015 para cerca de 2 bilhões em 2050.

Praticamente todos os países devem ter um crescimento substancial no número de idosos entre 2015 e 2030, e esse crescimento será mais rápido nas regiões em desenvolvimento.

O alerta é da ONU, no Dia Mundial da Conscientização da Violência contra as Pessoas Idosas, marcado este sábado, 15 de junho. A organização diz que porque o número de pessoas na terceira idade está aumentando, a quantidade de abuso de idosos pode crescer.

Importância

Mulher idosa em centro de detenção no norte do Afeganistão, Unama/Eric Kanalstein

As Nações Unidas afirmam que, embora o tema do abuso de idosos tenha começado a ganhar visibilidade em todo o mundo, continua “sendo um dos tipos de violência menos investigados em pesquisas nacionais e um dos menos abordados em planos de ação nacionais.”

Segundo a organização, a violência contra pessoas da chamada terceira idade “é uma questão social global que afeta a saúde e os direitos humanos de milhões de pessoas idosas em todo o mundo, e uma questão que merece a atenção da comunidade internacional.”

Sobre a data aprovada pela Assembleia Geral, a ONU diz que “este é o único dia do ano em que o mundo inteiro manifesta sua oposição ao abuso e sofrimento infligido a algumas de nossas gerações mais velhas.”

Realidade

Cerca de uma em cada seis pessoas mais velhas experimentam algum tipo de abuso, um número mais alto do que o estimado anteriormente. O número deve aumentar à medida que as populações envelhecem em todo o mundo.

As taxas de abuso podem ser mais altas para os idosos que vivem em instituições do que na comunidade. O abuso pode levar a lesões físicas graves e consequências psicológicas de longo prazo.

O total de pessoas com 60 anos ou mais pode duplicar nas próximas três décadas, passando de 900 milhões em 2015 para cerca de 2 bilhões em 2050.

Praticamente todos os países devem ter um crescimento substancial no número de idosos entre 2015 e 2030 e esse crescimento será mais rápido nas regiões em desenvolvimento.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud

 

Rastreador de notícias: últimas sobre o tema

“Abuso sexual de idosos deve ser exposto”, apela especialista independente

Estudo sublinha que tema ainda é “tabu e invisível” e alerta para falta de dados estatísticos; responsáveis podem ser membros da família, parentes ou pessoas próximas das vítimas.