Missão da ONU acelera auxílio humanitário no Sudão (Português para África)

Missão da ONU acelera auxílio humanitário no Sudão (Português para África)

Unmis teme que início da estação das chuvas agrave os conflitos em Abyei.

Cadija Tissiani, da Rádio ONU em Nova York*.

A Missão da ONU no Sudão, Unmis, anunciou que vai antecipar-se à estação das chuvas e acelerar as operações humanitárias na localidade de Abyei, palco de violentos confrontos no início do mês.

A missão teme que as chuvas sejam um entrave para a ajuda a dezenas de milhares de deslocados internos e acabem agravando os conflitos na região.

Trégua

Em comunicado, o representante especial das Nações Unidas no Sudão e coordenador humanitário no país, Ted Chaiban, apelou às forças armadas e ao Exército de Libertação do Povo Sudanês (Spla), que mantenham a trégua para que a ajuda continue a ser distribuída.

A ONU estima que mais de 50 mil pessoas foram deslocadas desde os confrontos entre forças governamentais e o Spla, a 14 de maio.

Em 2005, as duas frentes assinaram um acordo de paz que deveria colocar um ponto final no longo período de guerra civil entre o norte e o sul do Sudão. Mas o impasse sobre as demarcações fronteiriças e a posição geográfica de Abyei têm sido um dos obstáculos para a paz.

Ajuda

Chaiban elogiou os esforços das agências da ONU e de organizações não-governamentais (ONGs) para tentarem ajudar os habitantes locais que lutam para reconstruir suas vidas no rescaldo da guerra civil.

Até agora a ONU já distribuiu mais de 80 toneladas de alimentos, água e saneamento à população afectada.

*Apresentação: João Duarte, da Rádio ONU em Nova York