Conselho de Direitos Humanos debate Gaza

Conselho de Direitos Humanos debate Gaza

Segundo agências de notícias, dezenas de milhares de palestinos teriam destruído parte da fronteira entre Israel e Egito para comprar combustível e artigos de primeira necessidade.

Segundo agências de notícias, dezenas de milhares de palestinos teriam destruído parte da barreira feita por Israel, atravessando a fronteira com o Egipto para comprar combustível e artigos de primeira necessidade.

Emergência

Na terça-feira, o Conselho de Segurança da ONU realizou uma outra reunião de emergência para discutir a situação, após o encerramento por Israel do cruzamento com a região.

O subsecretário-geral para Assuntos Políticos, Lynn Pascoe, expressou preocupação com o que ele chamou de uma situação humanitária extremamente frágil na Faixa de Gaza.

Nesta quarta-feira, a agência de Assistência para Refugiados Palestinos, Unwra, disse que a situação continua bastante difícil mas afirmou ter recebido materiais para continuar a distribuir comida.

A ONU lançou um apelo de US$ 462 milhões para os palestinos.