Exclusiva: Paulo Coelho

Exclusiva: Paulo Coelho

O escritor Paulo Coelho (foto) disse à Rádio ONU que ele pode ser inspirado a escrever sobre seu novo papel: o de Mensageiro da Paz das Nações Unidas. Nesta entrevista exclusiva, Coelho comenta o conflito no Iraque, a missão das Nações Unidas no mundo e diz que que espera trabalhar muito através das artes para facilitar o diálogo entre os povos. O autor de “O Alquimista” começa falando o que significa para ele o seu mais novo título.

“Acho que os governantes hoje estão mais conscientes da importância da ONU, de um consenso mundial quando se tomam decisões que vão afetar não apenas um lugar, mas milhões de vidas. Decisões que vão afetar a economia, a política e que podem trazer ao mundo uma situação muito delicada. Acho que hoje em dia todo mundo entende que é muito importante ter um consenso na ONU antes de dar um passo seja em direção à guerra ou a qualquer outra coisa”, afirmou

Coelho é autor de vários best-sellers incluindo “O Alquimista”. Seus livros foram traduzidos em 65 idiomas.

O escritor brasileiro disse à Rádio ONU como pretende contribuir com seu novo posto para levar mais entendimento entre os povos.

"Talvez neste momento o Mensageiro da Paz possa entrar, não para oferecer alternativas políticas, militares. Mas pode entrar como um elemento que vai, de alguma maneira, diminuir a tensão e permitir que as pessoas se compreendam um pouco", disse.

Paulo Coelho foi nomeado Mensageiro de Paz em 21 de setembro durante uma cerimônia, em Nova York, presidida pelo Secretário-Geral Ban Ki-moon.

Além de Coelho, foram escolhidos também a princesa Haya Bint Al Hussein da Jordânia, a violinista japonesa Midori Goto e o maestro Daniel Barenboim, da Argentina.

A primeira tarefa de Coelho será participar nos dias 16 e 17 de outubro da iniciativa das Nações Unidas pelas Metas do Milênio. O evento “Levante-se e Faça a Sua Parte” pretende reunir milhões de pessoas em todo o mundo.

Clique aqui para ler na íntegra a mensagem especial de Paulo Coelho para o Dia Mundial de Ação contra a Pobreza, gravada com exclusividade para a Rádio ONU.

Nações Unidas em Ação, programa da Rádio ONU em Nova York.

Apresentação: Mônica Valéria Grayley

Produção: Eduardo Costa e Helder Gomes

Direção Técnica: Peter Kurisko