Fórum da ONU aprova tratado em defesa do direitos dos indígenas

Fórum da ONU aprova tratado em defesa do direitos dos indígenas

Os participantes do Fórum Permanente sobre Assuntos Indígenas aprovaram um tratado em defesa dos direitos e culturas dos povos indígenas.

O líder indígena Marcos Terena disse à Rádio ONU, em Nova York, que um dos desafios do Brasil é equilibrar a distribuição de terras para os indígenas em todas as regiões do país.

“Esse é o processo novo que o governo brasileiro tem. Por exemplo, o Parque do Xingu, que são 3 milhões de hectares, no meio do centro-oeste do serrado da Amazónia legal. O governo precisa resolver essa questão porque são 3 mil hectares para 10 mil indígenas. E no Parque do Xingu tem 3 milhões de hectares na Amazónia grandiosa para em torno de 4 mil pessoas e 16 povos mais ou menos”, afirma.

Terena também disse que é possível converter reservas indígenas em pólos turísticos, como já ocorre nos Estados Unidos, para levar emprego e mais perspectivas às populações locais.

Segundo as Nações Unidas, existem mais de 370 milhões de índios em cerca de 70 países.