Polícia prende dezenas de acusados de violência no Timor-Leste BR

Polícia prende dezenas de acusados de violência no Timor-Leste

No Timor-Leste, pelo menos 47 pessoas foram presas pela Polícia das Nações Unidas no país, Unpol. Os detidos são acusados de participar de confrontos entre grupos de artes marciais.

Segundo a Unpol, desde meados do mês passado, quatro pessoas morreram por causa da violência entre gangues de arte marcial.

O embaixador de Angola, Ismael Martins, que preside a Comissão de Consolidação da Paz na ONU, disse que os países-membros defendem a permanência de tropas do Timor até que haja mais estabilidade no país.

“Evitar que os tais mecanismos de retirada dessas forças se processem tão rapidamente antes que estejam criadas condições para a manuntenção e consolidação da paz”, disse.

Uma ex-colônia portuguesa no sudeste da Ásia, o Timor-Leste foi anexado pela Indonésia na década de 1970 e se tornou independente após um referendo da ONU em 2002.