Entrevista: Investimentos podem tornar história de África “boa ou má”

26 outubro 2017

Thierry Delvigne-Jean é chefe de Comunicação do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef.

Falando à ONU News, de Dacar, o responsável pela região da África Ocidental e Central comentou um relatório “Geração 2030 - África priorizando investimentos em crianças para colher o dividendo demográfico”. Até 2100 prevê-se que os africanos serão 40% da população mundial.

Delvigne-Jean  explica porque mudança demográfica no continente vai precisar de um forte investimento na educação, saúde e proteção.

O estudo pede políticas em prol de serviços essenciais e reforço de sistemas de saúde no continente, que desde 1990 viu reduzir pela metade a taxa de mortalidade infantil e aumentou a esperança de vida.

Acompanhe a conversa com Eleutério Guevane.

Duração: 03’15’’.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud