Reintroduzir o português no Timor-Leste é um projeto de longo prazo
BR

29 setembro 2016

Afirmação é do primeiro-ministro Rui Maria de Araújo; país quer mais professores que ensinem o idioma e assim, facilitem a disseminação do ensino nas áreas rurais; docentes do Brasil são necessários.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

Ter o ensino da língua portuguesa como prioridade: este é um projeto de longo prazo no Timor-Leste, nação do sudeste asiático que se tornou independente de Portugal em 1975.

Além do português, o tétum é também a língua oficial do país, que tem mais 15 dialetos. E ensinar o idioma de Camões para as gerações futuras, especialmente para a população de áreas rurais, está nos planos do governo, segundo o primeiro-ministro.

Parcerias

Rui Maria de Araújo foi entrevistado pela Rádio ONU, em Nova York, durante sua participação na 71ª sessão da Assembleia Geral. O primeiro-ministro destaca a necessidade de professores aptos a ensinar o idioma.

“Não se consegue reintroduzir o português num ápice em Timor-Leste. Portanto, o que estamos a fazer é trabalhar com os parceiros da Cplp (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa), nomeadamente Portugal, Brasil e Cabo Verde, para ver se conseguimos trazer mais professores desses países para formar nossos professores e então, reforçar a disseminação dos professores que dominam a língua para o ensino do português particularmente nas áreas rurais. Estamos a fazer todos os esforços para que nos próximos 10 a 15 anos, o português volte a ser a língua mais falada (em Timor-Leste).”

Zonas Urbanas

Segundo o primeiro-ministro Rui Maria de Araújo, o ensino do português “está muito mais intensivo nas áreas urbanas”. Em relação ao domínio, ele afirma que houve progressos qualitativos e quantitativos nos últimos 10 anos.

De acordo com o site oficial do governo, mais de 1,1 milhão de pessoas vivem em Timor-Leste.

Leia e Ouça:

Timor-Leste deve ratificar o Acordo de Paris "nos próximos meses"

Timor-Leste vai abrigar conferência em março de 2017 sobre Agenda 2030

Entrevista: Rui Maria de Araújo, primeiro-ministro do Timor-Leste

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud