Quatro razões para você provar insetos comestíveis
BR

14 setembro 2022

Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, FAO, apresenta motivos para inserir iguaria no cardápio; alto teor proteico, sustentabilidade, oportunidades econômicas e aumento na demanda alimentar estão na lista.

Em mercados na Tailândia, você pode ver ambulantes vendendo minhocas e grilos de bambus, que são servidos crocantes e quentes aos consumidores. Além deles, outras 1,9 mil espécies de insetos comestíveis são consumidas em todo o mundo e eles representam uma parte de muitas dietas nacionais.

Na Ásia, os carunchos de palmeiras vermelhas estão entre os mais populares e são considerados uma iguaria valorizada em muitos países. Na República Democrática do Congo, o povo Ngandu se alimenta de lagartas durante os meses chuvosos. 

Setor de insetos comestíveis pode fornecer oportunidades inclusivas de subsistência para muitos ao redor do mundo
UN Women/Ryan Brown
Setor de insetos comestíveis pode fornecer oportunidades inclusivas de subsistência para muitos ao redor do mundo

Ricos em proteína

Na Europa e na América do Norte, crescem os lugares estão começando a estocar esses produtos cheios de proteínas em suas prateleiras. Além disso, a União Europeia também busca padronizar os insetos como fonte de alimento, delineando normas de segurança que lhes permitem ser vendidos para consumo humano.

A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, FAO, preparou uma lista com quatro razões pelas quais insetos comestíveis devem ter um lugar no cardápio:

1. Eles são nutritivos.

Insetos comestíveis têm importante valor nutricional e podem ser adições saudáveis às dietas. Eles oferecem energia, gordura, proteína e fibras e, dependendo do inseto, podem ser boas fontes de micronutrientes como zinco, cálcio e ferro.

Os insetos também podem oferecer uma fonte de proteína alternativa às carnes convencionais. Por exemplo, uma comparação de carne bovina e minhocas mostra que, enquanto os aminoácidos e o teor de gordura da carne bovina são maiores do que as minhocas, elas possuem valores comparáveis de minerais e têm um teor de vitaminas geralmente maior.

O conhecimento da composição de nutrientes de insetos comestíveis pode reforçar sua importância em nossas dietas. A FAO, em conjunto com a Rede Internacional de Sistemas de Dados Alimentares coleta, reúne e divulga dados de composição de alimentos. A rede é um repositório global que inclui uma variedade de insetos comestíveis. 

Dados precisos de composição alimentar aumentam a base de evidências para apoiar o uso de insetos comestíveis para segurança alimentar e nutricional e informa políticas e programas de nutrição, saúde e agricultura.

2. São ambientalmente sustentáveis.

Insetos comestíveis possuem múltiplas vantagens para o meio ambiente. Por exemplo, a criação de insetos emite consideravelmente menos gases de efeito estufa do que a maioria das outras fontes de proteína animal e requer substancialmente menos água do que a criação de gado. 

Além disso, o espaço necessário para criar insetos é significativamente menor em comparação com a produção animal e os insetos são muito eficientes na conversão da ração em proteína. Grilos, por exemplo, precisam de 12 vezes menos ração do que o gado para produzir a mesma quantidade de proteína.

A criação de grilo se desenvolveu rapidamente nos últimos anos no Sudeste Asiático. Para garantir que o aumento da oferta possa responder suficientemente às normas internacionais de segurança alimentar, a FAO em colaboração com a Universidade Khono Kaen da Tailândia publicou orientações sobre a agricultura sustentável de grilos. Este manual aborda lacunas de conhecimento entre agricultores destes insetos e agências governamentais para garantir a segurança e higiene alimentar.

À medida que a população mundial continua a crescer, a produção de alimentos precisará aumentar, pressionando a produção agrícola e os recursos naturais
UN Women/Pornvit Visitoran
À medida que a população mundial continua a crescer, a produção de alimentos precisará aumentar, pressionando a produção agrícola e os recursos naturais

3. Oferecem oportunidades econômicas.

Além de uma fonte de alimento, insetos comestíveis podem fornecer meios de subsistência e renda. Como a criação de insetos requer espaço mínimo, ele pode ser feito em áreas urbanas ou rurais, tornando a prática vantajosa para algumas localidades. 

Insetos comestíveis também são facilmente transportáveis e muitas vezes fáceis de criar sem treinamento aprofundado. Assim, o método oferece oportunidades econômicas para quem tenha acesso mínimo à terra, ao treinamento e outros recursos.

O setor de insetos comestíveis pode fornecer oportunidades inclusivas de subsistência para muitos ao redor do mundo. A FAO apoia os países em seus esforços para cultivar insetos de forma sustentável e aumentar a segurança alimentar, apoiando o desenvolvimento de cadeias de valor baseadas em insetos. 

Ao orientar avaliações de segurança alimentar e melhores práticas para a criação e consumo de insetos comestíveis, a FAO está contribuindo para gerar conhecimento e facilitar um caminho para um setor de alimentos subestimado.

4. São um recurso subutilizado.

À medida que a população mundial continua a crescer, a produção de alimentos precisará aumentar, pressionando a produção agrícola e os recursos naturais. Serão necessárias soluções inovadoras para atender à demanda global por proteínas e outras fontes nutritivas de alimentos. A criação de insetos apresenta uma oportunidade para ajudar a atender a essas crescentes demandas.

Embora reconheça sua capacidade de segurança alimentar e nutricional, a segurança alimentar e a higiene precisam ser prioridade na discussão. Uma publicação da FAO analisa implicações de segurança alimentar associadas a insetos comestíveis para ajudar a estabelecer práticas de higiene e fabricação no setor.

Insetos comestíveis podem ajudar a melhorar a nutrição e a segurança alimentar, criar oportunidades de subsistência e apoiar sistemas agrícolas sustentáveis. Embora já consumidos em muitas partes do mundo, eles ainda têm grande potencial econômico e nutricional subutilizado.
 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud