Países do Hemisfério Sul concentram mais de um quarto do comércio global 
BR

12 setembro 2020

Este 12 de setembro é marcado o Dia das Nações Unidas para a Cooperação Sul-Sul; economias da região são responsáveis por mais da metade do crescimento global; enviado especial vê potencial de crescimento com talentos de nações de língua portuguesa. 

Este 12 de setembro é o Dia das Nações Unidas para a Cooperação Sul-Sul. O propósito da data é aumentar a consciência sobre desenvolvimentos econômicos, sociais e políticos recentes conquistados por regiões e países em desenvolvimento. 

Com a celebração deste ano, a organização também quer realçar os esforços feitos para impulsionar a cooperação técnica entre essas economias, que incluem vários países considerados emergentes. 

Colaboração 

Numa mensagem de vídeo para a ONU News, o enviado especial do secretário-geral para o tema e diretor do Escritório das Nações Unidas para Cooperação Sul-Sul, Jorge Chediek, disse que a cooperação nesta região está cade vez mais fortalecida. 

 

“A mensagem é convidar a todos vocês a se engajar ainda mais nos esforços de Cooperação Sul-Sul, utilizando também os talentos de países de língua portuguesa para contribuir para todos e também para compartilhar com outros. Parabéns para todos vocês e muito obrigado.”  

Como exemplo do espírito colaborativo entre economias do Hemisfério Sul, a ONU destaca a promoção da cooperação Sul-Sul e triangular para o desenvolvimento dentro do sistema global e das Nações Unidas.  

O escritório especializado apoia o combate à pandemia e aos efeitos e repercussões sociais e econômicas por meio de iniciativas já estabelecidas de cooperação Sul-Sul e Triangular. 

Brasil 

Num desses casos de intercâmbio, o Mecanismo para Alívio da Pobreza e da Fome integrando Índia, Brasil e África do Sul, apoiou um projeto de aprendizado para melhorar a cobertura e a qualidade dos cuidados de saúde no Vietnã. 

O sucesso dessa iniciativa, que alcançou profissionais de saúde com serviços de medicina a distância, reflete-se atualmente na resposta à Covid-19. 

De acordo com a ONU, os países do Hemisfério Sul contribuíram para mais da metade do crescimento mundial nos últimos anos. 

O chamado comércio entre economias do sul está no mais alto patamar de sempre, ao corresponder a ‘mais de um quarto de todo o comércio global’. 

As saídas de investimento estrangeiro direto do Sul representam um terço dos fluxos globais, segundo as Nações Unidas. 

Por meio da cooperação Sul-Sul, os agricultores recebem treinamento em diversas tecnologias, incluindo produzir peixes em cativeiro.
FAO/Hoang Dinh Nam
Por meio da cooperação Sul-Sul, os agricultores recebem treinamento em diversas tecnologias, incluindo produzir peixes em cativeiro.

 

 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud