Japão dá US$ 92 milhões para mudanças climáticas em África

Japão dá US$ 92 milhões para mudanças climáticas em África

Pnud vai monotorizar os milhões que o governo nipónico disponibiliza para que os países de África possam preparar-se desde já para os riscos das mudanças climáticas

João Rosário, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O governo do Japão anunciou que vai disponibilizar US$ 92,1 milhões para ajuda aos esforços de 21 países africanos na sua adaptação às mudanças climáticas.

O anúncio foi feito durante a reunião das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, que decorre em Poznan, na Polónia.

Objectivos

Moçambique faz parte do grupo dos Estados que vão beneficiar do auxílio japonês.

O programa de ajuda foi decidido entre o governo nipónico e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Pnud.

De acordo com o Pnud, através deste programa os países africanos vão desenvolver, planear, pôr em funcionamento e monotorizar políticas de desenvolvimento que permitam, a longo-prazo, lidar com as incertezas das mudanças no clima.

Aumento Temperatura

O Pnud revela que o objectivo principal dessas políticas deve ser assegurar que as populações mais vulneráveis não sejam vítimas do aumento das temperaturas e de choques provocados por este fenómeno.

O Pnud calcula que o continente africano possa aquecer entre 3º e 4º Celsius ao longo do presente século e prevê que possa agravar a falta de água e o colapso de algumas culturas.