OMS quer tratamento de HIV e tuberculose

OMS quer tratamento de HIV e tuberculose

Tuberculose é uma das principais causas de morte entre seropositivos;~agência destaca situação de utilizadores de drogas.

Marta Barroso & Mônica Villela Grayley, Rádio ONU em Nova York.*

A Organização Mundial da Saúde, OMS, lançou uma série de novas directrizes sobre a integração dos serviços de tratamento de HIV/Sida e de tuberculose.

Segundo a OMS, a doença pulmonar é uma das principais causas de morte entre seropositivos.

Seringas Usadas

A proposta apresenta 13 recomendações para reduzir o número de mortes de pacientes de HIV e tuberculose incluindo recursos para o tratamento de utilizadores de drogas injectáveis.

Muitos dependentes são contaminados por causa da troca de seringas usadas.

As directrizes foram lançadas em parceria com o Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Sida, Unaids, e o Escritório das Nações Unidas contra Drogas e Crime, Unodc, em Genebra, na Suíça.

Entre as propostas está a expansão do acesso a medicamentos antiretrovirais e terapias de prevenção.

Acção Internacional

Numa entrevista à Rádio ONU, em Nova York, após um evento sobre HIV/Sida e tuberculose no mês passado, o ex-presidente americano Bill Clinton, disse que para realizar um tratamento integrado é preciso baixar o preço dos medicamentos.

Segundo Clinton, o que foi feito para reduzir o preço dos antiretrovirais precisa de ser repetido com os remédios de tratamento da tuberculose.

O ex-presidente americano, que dirige a Fundação Clinton, disse que conseguiu negociar a redução de antiretrovirais em até 600% para programas da organização.

Nesta segunda-feira, Clinton discursou na 17a. Conferência sobre HIV/Sida, na Cidade do México, e pediu mais acção internacional para combater a doença.

Apresentação*: Marta Barroso, Rádio ONU em Nova York.