Partidos assinam acordo de paz na Somália (Português para África)

Partidos assinam acordo de paz na Somália (Português para África)

ONU deve ajudar a implementar força de estabilização no país; cessar-fogo, anunciado no Djibouti, deve pôr fim a conflito de quase duas décadas.

Iara Luchiari, Rádio ONU em Nova York.

O Governo Federal da Somália e o partido de oposição da Aliança para a Libertação assinaram um acordo, que deve colocar fim a um conflito de quase duas décadas no país.

O documento, assinado esta segunda-feira no Djibouti, prevê o fim dos conflitos armados dentro de 30 dias.

Estabilização

As Nações Unidas mediaram as negociações e deverão ajudar na implementação de uma força de estabilização dentro de 120 dias.

O Escritório das Nações Unidas para Assistência Humanitária, Ocha, afimou que mais de 3,5 milhões de pessoas poderão precisar de ajuda humanitária até ao final do ano caso o país não consiga melhores condições sociais, políticas e económicas.

A Somália vive um conflito armado desde a queda do presidente Siad Barre, em 1991.

Apresentação*: João Duarte, Rádio ONU em Nova York.