Nações Unidas lançam novo apelo para Timor-Leste

Nações Unidas lançam novo apelo para Timor-Leste

Pedido de US$ 33,5 milhões, feito a organizações não-governamentais, servirá para programas de recuperação.

João Duarte, Rádio ONU em Nova York.

As Nações Unidas e um grupo de organizações não-governamentais lançaram um apelo para financiar projectos de recuperação e de ajuda a deslocados internos em Timor-Leste.

O apelo foi divulgado em Díli, capital de Timor, durante o fim-de-semana.

Segundo a Missão Integrada das Nações Unidas em Timor-Leste, Unmit, existem cerca de 155 mil deslocados internos no país.

Violência

A maioria teve que fugir de suas casas por causa da violência política entre abril e junho de 2006.

O novo apelo, no valor de US$ 33,5 milhões servirá ainda para continuar a assistência de emergência a campos de refugiados internos e apoiar a Estratégia do Governo de Recuperação Nacional.

Um outro projecto do governo refere-se à gestão de risco e impacto de desastres naturais em Timor-Leste.

Uma ex-colônia portuguesa no sudeste da Ásia, o país foi anexado pela Indonésia na década de 1970 e tornando-se independente após um referendo da ONU.