Cuba adere a tratados sobre direitos humanos (Português para o Brasil)

Cuba adere a tratados sobre direitos humanos (Português para o Brasil)

Documentos foram assinados por ministro das Relações Exteriores de Cuba, Felipe Pérez Roque (foto), em Nova York.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O ministro das Relações Exteriores de Cuba, Felipe Pérez Roque, assinou na sede das Nações Unidas, em Nova York, dois pactos internacionais sobre direitos humanos e econômicos.

Entre os documentos firmados, na quinta-feira, estão o Pacto Internacional sobre Direitos Econômicos, Sociais e Culturais; e o tratado sobre Direitos Civis e Políticos.

Pérez Roque disse que a decisão surge após a eliminação do mandato seletivo de monitoramento dos direitos humanos em Cuba.

Reservas

Segundo ele, o mandato era injusto respondia a pressões dos Estados Unidos.

O ministro afirmou ainda que Cuba garante a efetiva realização dos direitos humanos incluídos nas convenções agora assinadas. Mas, segundo ele, o país registará reservas e fará interpretações que considere pertinentes.

O ministro cubano foi recebido pelo Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, e pelo presidente da Assembléia Geral, Srgjan Kerim.