Quarteto para Oriente Médio analisa Acordo de Meca entre palestinos

Quarteto para Oriente Médio analisa Acordo de Meca entre palestinos

O Acordo de Meca, que propôs a criação de um governo de unidade nacional para a Autoridade Palestina, está sendo analisado pelo Quarteto diplomático para o Oriente Médio em Berlim, na Alemanha.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, disse que o apoio da comunidade internacional ao acordo de Meca é crucial. Pelo acordo, as facções rivais palestinas Hamas e Fatah compartilham pastas no gabinete do governo.

O vice-ministro do Exterior da Autoridade Nacional Palestina, Ahmed Sobeh, disse à Rádio ONU, de Ramallah, antes do evento, que o novo Secretário-Geral da ONU contribui com um novo momento para as negociações.

“O encontro que teve o novo Secretário-Geral com o nosso presidente Mahmoud Abbas, em Addis-Abeba, durante a Cúpula da União Africana, foi muito positivo. E esperamos que o novo Secretário-Geral possa dar realmente impulso, a um novo estímulo ao processo de paz”, disse Sobeh.

Antes do encontro, o primeiro-ministro de Israel, Ehud Olmert, afirmou que seu país não apoiará a iniciativa de um governo de unidade nacional palestino enquanto o direito à existência do Estado de Israel não for reconhecido pelo governo palestino.

Este é o segundo encontro do Quarteto diplomático somente neste mês.