Filtrar por conteúdo:

tolerância

Guterres: “Alemanha e Angela Merkel são um símbolo de tolerância” BR

Secretário-geral da ONU fez a declaração durante encontro em Munique; António Guterres disse ainda que país e chanceler representam também um símbolo de hospitalidade às pessoas que precisam de proteção.

Edgard Júnior, da ONU News em Nova Iorque.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, afirmou que “a Alemanha e a chanceler federal Angela Merkel são um símbolo de tolerância e de hospitalidade às pessoas que precisam de proteção”.

A declaração foi feita em encontro com jornalistas esta sexta-feira, em Munique, durante sua visita ao país.

“Para acabar com a epidemia de Aids é preciso falar sobre discriminação” BR

Avaliação é da chefe do Programa Conjunto sobre HIV/Aids, Unaids, no Brasil, Georgiana Braga-Orillard; esta terça-feira é o Dia da Zero Discriminação; em entrevista à Rádio ONU, a cartunista Laerte fez uma reflexão sobre o possível fim do preconceito contra a comunidade LGBT

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

Nesta terça-feira, 1º de março, as Nações Unidas celebram o Dia da Zero Discriminação.  A data é uma oportunidade de celebrar a diversidade e rejeitar qualquer tipo de preconceito.

Nações Unidas homenageiam vítimas do Holocausto, um “crime colossal” BR

Definição é do secretário-geral Ban Ki-moon, ao relembrar o extermínio de 6 milhões de judeus, prisioneiros políticos, homossexuais e pessoas com deficiência; 27 de janeiro é o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

Para o secretário-geral da ONU, o “Holocausto foi um crime colossal”, quando 6 milhões de judeus foram “cercados e exterminados durante a Segunda Guerra Mundial”.