Toby lanzer

Afeganistão já tem mais trabalhadores humanitários que sofreram ataques em 2019 que no ano passado

Este ano, 77 funcionários do setor foram mortos, feridos ou sequestrados; chefe humanitário quer investigação e julgamento dos responsáveis pelos atos ocorridos entre domingo e terça-feira.

“Há fome tremenda de paz no Afeganistão”, declara agência da ONU 

Declaração é do vice-representante especial da Missão das Nações Unidas no país, Unama; conferência internacional de alto nível acontece até quarta-feira em Genebra.

Conferência vai buscar ajuda para vítimas de terroristas do Boko Haram

Evento decorre em fevereiro em Oslo, na Noruega; ONU e parceiros precisam de US$ 1 mil milhão para oferecer auxílio humanitário em 2017; cerca de 11 milhões precisam de ajuda urgente na Nigéria, nos Camarões, no Chade e no Níger.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Conferência vai buscar ajuda para vítimas de terroristas do Boko Haram

ONU e parceiros precisam de US$ 2,6 mil milhões para emergência no Sahel

Nações Unidas e ONGs parceiras lançaram apelo para fornecer assistência vital a 15 milhões de pessoas na região; segundo coordenador regional humanitário, Toby Lanzer, Sahel enfrenta desafios consideráveis e permanecerá como uma das maiores operações humanitárias do mundo em 2017.

Áudio -

ONU e parceiros precisam de US$ 2,6 mil milhões para emergência no Sahel

Enviado vê de perto destruição no nordeste da Nigéria

Coordenador Humanitário da ONU para o Sahel encerra visita ao país e destaca progressos na cidade de Bama, que está sob o controlo de autoridades do governo e para Toby Lazer, situação está mais estável.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Enviado vê de perto destruição no nordeste da Nigéria

ONU alerta que “tempo está a esgotar-se” para nigerianos do nordeste

Responsável humanitário regional visitou áreas afetadas pelo Boko Haram;  mais de 4,4 milhões de nigerianos enfrentam insegurança alimentar severa; coordenador alerta para sofrimento “nunca antes visto”.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

ONU alerta que “tempo está a esgotar-se” para nigerianos do nordeste