Toby lanzer

Afeganistão já tem mais trabalhadores humanitários que sofreram ataques em 2019 que no ano passado

Este ano, 77 funcionários do setor foram mortos, feridos ou sequestrados; chefe humanitário quer investigação e julgamento dos responsáveis pelos atos ocorridos entre domingo e terça-feira.

“Há fome tremenda de paz no Afeganistão”, declara agência da ONU 

Declaração é do vice-representante especial da Missão das Nações Unidas no país, Unama; conferência internacional de alto nível acontece até quarta-feira em Genebra.

Conferência vai buscar ajuda para vítimas de terroristas do Boko Haram

Conferência vai buscar ajuda para vítimas de terroristas do Boko Haram

Evento decorre em fevereiro em Oslo, na Noruega; ONU e parceiros precisam de US$ 1 mil milhão para oferecer auxílio humanitário em 2017; cerca de 11 milhões precisam de ajuda urgente na Nigéria, nos Camarões, no Chade e no Níger.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

ONU e parceiros precisam de US$ 2,6 mil milhões para emergência no Sahel

ONU e parceiros precisam de US$ 2,6 mil milhões para emergência no Sahel

Nações Unidas e ONGs parceiras lançaram apelo para fornecer assistência vital a 15 milhões de pessoas na região; segundo coordenador regional humanitário, Toby Lanzer, Sahel enfrenta desafios consideráveis e permanecerá como uma das maiores operações humanitárias do mundo em 2017.

Áudio -

Enviado vê de perto destruição no nordeste da Nigéria

Enviado vê de perto destruição no nordeste da Nigéria

Coordenador Humanitário da ONU para o Sahel encerra visita ao país e destaca progressos na cidade de Bama, que está sob o controlo de autoridades do governo e para Toby Lazer, situação está mais estável.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

ONU alerta que “tempo está a esgotar-se” para nigerianos do nordeste

Responsável humanitário regional visitou áreas afetadas pelo Boko Haram;  mais de 4,4 milhões de nigerianos enfrentam insegurança alimentar severa; coordenador alerta para sofrimento “nunca antes visto”.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

ONU alerta que “tempo está a esgotar-se” para nigerianos do nordeste