terrorismo

Cabo Delgado: Acnur relata drama de famílias separadas e fugas para a Tanzânia 
BR

Agência da ONU para Refugiados apura relatos de regressos forçados de moçambicanos que tentam salvar suas vidas ao escapar para o país vizinho; conflito, no norte de Moçambique, entre tropas do governo e extremistas começou em 2017. 

Vice-chefe da ONU lidera mobilização internacional em favor de Moçambique 
BR

Amina Mohammed junta-se a personalidades regionais e internacionais numa visita virtual para aumentar mobilização de mulheres, incentivar liderança feminina e promover o desenvolvimento sustentável no país africano de língua portuguesa. 

Emergência em Moçambique preocupa agências humanitárias 
BR

Mais 30 mil pessoas fugiram da violência na cidade de Palma, em Cabo Delgado; Acnur assiste centenas de crianças desacompanhadas, traumatizadas e exaustas; Mulheres e crianças são 75% da população deslocada nos mais recentes ataques. 

Nova estratégia propõe travar crime organizado, terrorismo e violência na África  
BR

Agência da ONU, Unodc, pede mais investimentos em segurança, apoio ao controle de medicamentos, eficácia da justiça criminal, combate à corrupção e ao crime econômico, salvaguarda de recursos e meios de subsistência. 

ONU diz-se pronta para apoiar Moçambique com iniciativa de contraterrorismo 
BR

Programa Global de Processamento, Reabilitação e Reintegração já colabora com autoridades de Burquina Fasso e da Bacia do Lago Chade; em relatório ao Conselho de Segurança, secretário-geral ressalta ações para conter ressurgimento do Isil.  

Violência em Cabo Delgado, Moçambique, já afetou 250 mil crianças 
BR

Crianças da área de Moçambique viveram atos de violência extrema, incluindo morte de parentes próximos e sequestros brutais; um quinto delas sofre desnutrição aguda; casos mais graves têm sido detectados entre população deslocada. 

ONU pede libertação imediata de centenas de meninos sequestrados na Nigéria
BR

Crianças foram levadas durante um ataque a uma escola secundária no estado de Katsina, na fronteira com Níger; secretário-geral, António Guterres, lembra que ataques a escolas são grave violação dos direitos humanos.

Nigéria: ONU condena “ataque direto mais violento contra civis inocentes” do ano
BR

Pelo menos 43 pessoas morreram no ato ocorrido em Maiduguri, estado de Borno; secretário-geral reafirma apoio ao governo no combate ao terrorismo; chefe humanitário descreve comunidades chocadas com brutalidade no nordeste.

Conselho de Segurança debate aumento de crime organizado e terrorismo durante pandemia
BR

Somente no primeiro trimestre deste ano, casos com sites fraudulentos para roubar informações confidenciais aumentaram 350%; muitos ataques contra sistemas de saúde dificultaram resposta à pandemia; relatório diz que terroristas utilizam crise da Covid-19 para espalhar medo e recrutar seguidores.

Ataques cibernéticos e bioterrorismo se aproveitam de fragilidades geradas por pandemia
BR

Em discurso de abertura da Semana sobre Contraterrorismo, na ONU, secretário-geral António Guterres afirmou que mundo vive maior crise desde a fundação das Nações Unidas, há 75 anos; ele alertou para utilização da pandemia por grupos como Isil, Al Qaeda e outros, com o objetivo de criar divisões.