serviços

Após 20 anos de referendo de autonomia, Timor-Leste aposta na educação

Cerca de 70% da população timorense é composta por jovens menores de 25 anos; Nações Unidas reiteram cooperação com o país em áreas que incluem educação, capacitação para desenvolvimento vocacional e combate ao desemprego; brasileiro Sérgio Vieira de Mello coordenou período de transição para autonomia.

Relatores avaliam que situação está difícil para minorias em Portugal
BR

Relatores avaliam que situação está difícil para minorias em Portugal
BR

Especialistas da ONU para os direitos à água, ao saneamento e à habitação visitaram o país por 10 dias e ficaram preocupados com os povos Roma e afrodescendentes; eles pedem ao governo que garatam acesso aos serviços.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

Áudio -

Angola diz haver muito a fazer para melhorar serviços a pessoas com autismo

Angola diz haver muito a fazer para melhorar serviços a pessoas com autismo

Condição é associada a espíritos malignos, bruxaria e doença mental;  autoridades angolanas dizem apoiar ação global para definir políticas para melhorar qualidade de vida de crianças que vivem com o autismo.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

África deve fazer aproveitamento máximo do seu potencial, defende especialista

África deve fazer aproveitamento máximo do seu potencial, defende especialista

ECA aconselha aposta em maiores investimentos na indústria; comércio entre nações do continente equivale a 11% das trocas;  António Pedro diz que modelo económico baseado em matérias-primas está perto do limite.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Unfpa pede US$ 4 milhões para garantir saúde das refugiadas
BR

Fundo de População da ONU alerta para grávidas que chegam à Europa e a milheres que correm risco de violência sexual; agência quer distribuir kits com itens de saúde e de higiene, para ajudar a preservar a dignidade dessas mulheres.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

Áudio -

Unfpa pede US$ 4 milhões para garantir saúde das refugiadas
BR

Nova central telefônica facilita entrega de ajuda aos iraquianos
BR

Mais de 3,1 milhões de pessoas foram forçadas a abandonar suas casas desde janeiro de 2014; ligando para o número 6999, agências da ONU fornecem informações sobre pontos de distribuição de comida e abrigos pelo país.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

Áudio -