Sérgio Vieira de Mello

ONU marca Dia Mundial dos Trabalhadores Humanitários com campanha pelo clima
BR

Secretário-geral, António Guterres, gravou mensagem sobre efeitos de desastres naturais para profissionais de assistência humanitária em várias partes do mundo; 19 de agosto é a data do ataque terrorista à sede da ONU em Bagdá, em 2003, que matou 22 pessoas incluindo o brasileiro Sergio Vieira de Mello.

Projeto humanitário no Rio de Janeiro já doou 25 mil refeições
BR

Neste Destaque ONU News Especial, conheça o trabalho de um grupo que já entregou 25 mil refeições na cidade brasileira desde o início da pandemia. O Projeto Sem Fome é liderado por sobrinho do ex-chefe da Missão da ONU, morto em Bagdá em 2003.  André Simões conta como a iniciativa começou e o que pretende fazer no futuro.

Especial: Inspirados em Vieira de Mello voluntários distribuem ajuda humanitária no Rio de Janeiro  
BR

Grupo, liderado por sobrinho do ex-chefe da Missão da ONU, morto em Bagdá em 2003, já entregou 25 mil refeições na cidade brasileira desde o início da pandemia; André Simões conta que a cada contato com os beneficiados, ele revive os ideais do ex-funcionário das Nações Unidas.*

Mulheres que atuam em crises são homenageadas no Dia Mundial de Assistência Humanitária

ONU destaca papel feminino no apoio a civis na linha de frente; em média, 280 trabalhadores de auxílio sofrem ataques por ano; brasileiro Sérgio Vieira de Mello morreu há 16 anos num ataque em Bagdá, no Iraque.

Destaque ONU News - 20 de agosto de 2018

Neste telejornal diário da ONU News, as homenagens a Kofi Annnan, o sétimo secretário-geral da ONU que morreu no sábado; vamos falar dos 15 anos do ataque às Nações Unidas em Bagdá, onde o brasileiro Sergio Vieira de Mello perdeu a vida, e no final: jovens participam das preparações das eleições na Guiné-Bissau.

ONU marca Dia Mundial Humanitário pedindo maior proteção e solidariedade

Em mensagem de vídeo, secretário-geral destaca brasileiro trabalho de Sergio Vieira de Mello como “incomparável”; parentes e colegas lembraram todas as 22 pessoas assassinadas num atentado a bomba ao Hotel Canal, em 2003; campanha em redes sociais pede maior proteção de civis e trabalhadores a líderes internacionais.

ONU destaca proteção de trabalhadores humanitários 15 anos após ataque de Bagdá
BR

Carro-bomba que explodiu no Hotel Canal, onde ficava a sede da Missão da ONU no Iraque, matou 22 pessoas incluindo o brasileiro Sergio Vieira de Mello, chefe da Missão; Dia Mundial Humanitário é marcado em 19 de agosto para homenagear trabalhadores da área.

Clip: André Simões, sobrinho de Vieira de Mello, no Dia Mundial Humanitário

Afilhado de Sergio Vieira de Mello dedica homenagem ao tio e a todos os trabalhadores humanitários neste 19 de agosto; testemunho preparado com exclusividade para a ONU News.

Leia e ouça na íntegra a declaração de André Simões, sobrinho e afilhado de Sergio Vieira de Mello:

Áudio -

Clip: André Simões, sobrinho de Vieira de Mello, no Dia Mundial Humanitário

Especial: “Sergio não morre”, por André Simões, sobrinho de Vieira de Mello
BR

Afilhado de Sergio Vieira de Mello dedica homenagem ao tio e a todos os trabalhadores humanitários neste 19 de agosto; testemunho preparado com exclusividade para a ONU News.

Monica Grayley, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -