Saúde Materna

Mortes maternas podem ser evitadas com investimento de US$ 7,8 bilhões até 2030

Gastos anuais precisariam aumentar seis vezes para alcançar objetivo; novos dados do Fundo de População das Nações Unidas mostram benefícios de erradicar Mutilação Genital Feminina, casamento infantil e investir na educação de meninas.

Serviços de saúde materna absorvem mais de 40% de despesas de 5 milhões de famílias

Novo estudo do Unicef é lançado na Conferência Women Deliver 2019; maior conferência mundial sobre igualdade de gênero e saúde reúne cerca de 6 mil representantes até quinta-feira, em Vancouver, Canadá.

Destaque Especial - Haiti, um dia na vida de uma parteira

Neste #DestaqueONUNews Especial, saiba como é ser parteira no Haiti, o país com a maior taxa de mortalidade materna e infantil do ocidente. A reportagem foi produzida pelo Fundo das Nações Unidas para a População, Unfpa.

Destaque ONU News Especial - 10 de novembro

Neste #DestaqueONUNews Especial, veja a entrevista com a diretora do Escritório do Fundo das Nações Unidas para a População, Unfpa, em Genebra, Mónica Ferro; a especialista fala sobre saúde materna e infantil, taxas de fertilidade e mutilação genital feminina; também apresenta as principais conclusões do relatório “O Estado da População Mundial”.  

Unaids apoia campanha global para promover saúde materna
BR

Iniciativa lançada em parceria com a organização Mediaplanet e outras instituições internacionais tem como objetivo debater questões que afetam grávidas e mães.

Edgard Júnior, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Unaids apoia campanha global para promover saúde materna
BR

Trabalhadores de saúde no Gana usam telemóveis para saúde materna

Agência da ONU revela que 2,8 mil mulheres morreram no ano passado na hora do parto; informações estão a ser registadas em base de dados e revisadas uma vez por semana por equipe médica.

Mônica Grayley, da Rádio ONU.

Áudio -

Trabalhadores de saúde no Gana usam telemóveis para saúde materna

Resiliência de pacientes com fístula impressiona chefe da ONU

No Dia Internacional pelo Fim da Fístula Obstétrica, Ban Ki-moon relembra visita a hospital na Mauritânia; secretário-geral fala da dor ao saber que a condição ainda ocorre no mundo, apesar de ser prevenível e tratável.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Resiliência de pacientes com fístula impressiona chefe da ONU