Sahel

Guterres quer ajuda para conter crises e “graves consequências” no Mali e no Sahel
BR

Secretário-geral fala ao Conselho de Segurança sobre complexidade de crises em território maliano, onde pelo menos 128 soldados da paz morreram em ataques; cerca de 5 milhões de pessoas podem precisar de ajuda; Covid-19 afetou pelo menos 100 funcionários da Missão da ONU no Mali, Minusma.

Conselho de Segurança reúne-se sobre esforços da paz na Região do Sahel
BR

Subsecretário-geral de Operações de Paz, Jean-Pierre Lacroix, diz que ações contra atos extremistas e pobreza continuam apesar de desafios impostos pela pandemia de Covid-19; área tem 20 milhões de pessoas sob risco de insegurança alimentar e 5 milhões de crianças sofrendo de má-nutrição aguda; ONU coopera com Força Conjunta Internacional G-5 Sahel.

ONU pede punição de autores de ataque à igreja que matou 24 em Burkina Fasso
BR

Pelo menos 18 fieis ficaram feridos e vários foram levados pelos homens armados; violência no país africano levou a aumento de 1.200% no número de deslocados, num ano; Mais de 300 mil pessoas abandonaram suas casas nos últimos quatro meses.

Quase 5 milhões de crianças precisarão de assistência humanitária no Sahel em 2020
BR

Segundo informações do Unicef, aumento da violência é a principal causa; Burkina Fasso, Mali e Níger são os países mais afetados; agência precisa de US$ 208 milhões para resposta humanitária. 

Portugal reforçará participação em Missão das Nações Unidas no Mali, Minusma
BR

Ministro da Defesa, João Gomes Cravinho, visitou Bamako para anunciar envio de 75 elementos e um avião de reconhecimento C-295; ele esteve dois dias na nação da região do Sahel, onde se reuniu com a liderança da Minusma e autoridades.

Enviado alerta para “aumento arrasador de ataques terroristas” na África Ocidental e Sahel
BR

Mohamed Ibn Chambas falou ao Conselho de Segurança; representante disse que cidadãos da Guiné-Bissau “merecem os parabéns pela conduta exemplar na eleição presidencial do último ano”.

ONU: mundo precisará de US$ 10 bilhões para combater fome em mais de 80 países
BR

Alerta feito pelo Programa Mundial de Alimentos, PMA, destaca áreas na África Subsaariana; Moçambique teve uma das maiores operações após ciclones; Haiti, Afeganistão, Iraque e Líbano entre prioridades para 2020.

FAO prevê insegurança alimentar para 9,7 milhões de pessoas no Sahel

Cerca de 2 milhões de crianças correm risco de sofrer de desnutrição aguda na região africana; FAO quer maior atenção para áreas como Lago Chade, Níger, Burquina Fasso e Mali.

Situação continua “extremamente preocupante” no Sahel 

Em sessão do Conselho de Segurança, secretária-geral assistente da ONU para África disse que  população civil paga o preço mais alto da insegurança; Bintou Keita cita ameaça do terrorismo, crise humanitária e tráfico de pessoas, armas e drogas.  

Instabilidade no Sahel gerou cinco vezes mais deslocados no último ano
BR

Situação no Mali, no Níger e em Burquina Faso pode se espalhar para toda a África Ocidental; representantes das Nações Unidas falam de indícios de uso de dispositivos explosivos similares aos do conflito na Síria.