Rolf Traeger

Angola e São Tomé e Príncipe em ascensão sofrem impacto da Covid-19 

Países de língua portuguesa devem sair do grupo de Países Menos Desenvolvidos em 2021 e 2024, respetivamente; Conferência da ONU sobre Comércio e Desenvolvimento diz que pandemia coloca pressão sobre o processo.

Agência da ONU apoia países lusófonos em transição econômica
BR

Angola deixa de ser país menos avançado em 2021, a menos que esse prazo seja renegociado pelo impacto da Covid-19. A economia de São Tomé e Príncipe deverá atingir este estágio em 2024. 

As consequências da pandemia no Investimento Direto Estrangeiro

Em entrevista à ONU News, especialista Rolf Traeger explica as conclusões do último Relatório Global de Investimento; segundo a pesquisa, Investimento Direto Estrangeiro deve cair 40% em 2020 por causa da pandemia.

Países menos desenvolvidos precisam alinhar ajuda ao desenvolvimento com planos nacionais
BR

Novo relatório destaca que esta é a melhor forma de controlar dependência da ajuda externa; especialista da ONU menciona exemplo de nações como Angola, Guiné-Bissau, Moçambique e São Tomé e Príncipe.

Novo relatório sugere regras para a Área de Livre Comércio Continental Africana
BR

ONU News conversou com o economista da Divisão Africana e PMA da Unctad sobre os principais pontos do relatório; Acordo entrou em vigor em maio; países lusófonos foram citados.

Entrevista: Países menos avançados e acesso à eletricidade
BR

Rolf Traeger é chefe da Sessão dos Países Menos Avançados, PMAs, na Conferência das Nações Unidas para o Comércio e Desenvolvimento, Unctad.

Áudio -

Entrevista: Países menos avançados e acesso à eletricidade
BR

Rolf Traeger é chefe da Seção dos Países Menos Avançados, PMAs, na Conferência das Nações Unidas para o Comércio e Desenvolvimento, Unctad.

Moçambique e Guiné-Bissau devem continuar nos menos avançados em 2024

Timor-Leste e São Tomé e Príncipe devem deixar o grupo de nações; Unctad recomenda que sejam lançadas as bases de desenvolvimento pós-gradução para evitar “armadilhas.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Áudio -

Moçambique e Guiné-Bissau devem continuar nos menos avançados em 2024

Entrevista: Rolf Traeger

O relatório Investimento Mundial 2016 afirmou que o Investimento Direto Estrangeiro Global, (FDI na sigla em inglês), atingiu US$ 1,7 trilhão em 2015, um aumento de 38% em comparação ao ano anterior.

Áudio -