Roberto Azevêdo

Brasileiro se despede da OMC dizendo que muito ainda precisa ser alcançado
BR

Em último discurso como diretor-geral da Organização Mundial do Comércio,  Roberto Azevêdo diz que agência deve permanecer “numa encruzilhada” por algum tempo; ele deixa posto em 31 de agosto após mandato de sete anos.

Brasileiro, chefe da OMC, renuncia ao posto
BR

Embaixador Roberto Azevêdo informou que deixará cargo em 31 de agosto, um ano antes do término do segundo mandato; eleição ocorreu em 2013.