Passar para o conteúdo principal

Filtrar por conteúdo:

responsabilidade de proteger

Guterres reafirma prevenção para acabar com crimes hediondos contra civis BR

Secretário-geral quer melhorar proteção das vítimas; chefe da ONU disse em em sessão interativa que há desconforto de países que receiam que responsabilidade em proteger crie problemas de soberania.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

As Nações Unidas realizaram esta quarta-feira um diálogo interativo abordando o primeiro relatório do secretário-geral sobre a responsabilidade de proteger.

António Guterres declarou aos países-membros que “é mais necessário do que nunca reforçar os esforços de prevenção de crimes hediondos”.

Vice-chefe da ONU destaca importância da prevenção a “crimes atrozes” BR

Princípio da “Responsabilidade de Proteger” foi adotado pelos Estados-membros da ONU em 2005; Jan Eliasson afirmou que houve avanços, mas mundo continua a ver “brutalidade inconcebível” a civis.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

A Assembleia Geral da ONU realiza nesta terça-feira uma reunião informal sobre a Responsabilidade de Proteger populações contra genocídio, crimes de guerra, limpeza étnica e crimes contra a humanidade.

O princípio foi endossado por líderes mundiais em Cúpula das Nações Unidas em 2005.

Brutalidade