rebeldes islamitas

Navi Pillay contacta líder nigeriano, após alegado vídeo do Boko Haram

Chefe dos Direitos Humanos pediu a garantia do retorno com segurança das meninas raptadas pelo grupo rebelde; alegações em gravação atribuída ao líder fala da venda das cerca de 200 raptadas como escravas.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.* 

Áudio -

Navi Pillay contacta líder nigeriano, após alegado vídeo do Boko Haram