protestos

Violações do governo contra integrantes da oposição persistem na Nicarágua
BR

Escritório da ONU de Direitos Humanos menciona abusos “graves” no país em documento compilado com especialistas internacionais; autoridades negam suas responsabilidades e culpam líderes sociais e da oposição pela situação.

ONU quer calma no Zimbabué após cancelamento de protestos “ao último minuto”
BR

Multidões reunidas para manifestar em Harare foram dispersas pela polícia; decisão da Suprema Corte manteve proibição de protestos feita pelo governo.

Bachelet vê diálogo como via segura para estabilidade política em Hong Kong

Chefe de Direitos Humanos condena atos como violência e destruição de propriedade; nota destaca que armas menos letais foram usadas de formas proibidas pelas normas e padrões internacionais.

Guterres pede máxima contenção após confrontos que provocaram mortos no Sudão

As autoridades sudanesas confirmaram que sete manifestantes  perderam a vida desde sábado; protestos contra o presidente Omar al-Bashir  são considerados os maiores desde dezembro.

ONU fecha representação de direitos humanos no Burundi após insistência do governo
BR

Bujumbura justifica decisão com “avanços suficientes que não justificam a existência de escritório” no país; alta comissária revela que mesmo com a medida serão exploradas outras formas de trabalho nessa área.

Bachelet preocupada com criminalização da dissidência na Nicarágua
BR

Chefe de Direitos Humanos alerta para ameaças ao diálogo em nota apontando recentes condenações “altamente controversas”; presidente da Nicarágua anunciou tentativa de iniciar conversas na próxima semana.

ONU preocupada com relatos de uso de força excessiva em protestos no Sudão
BR

Chefe de Direitos Humanos disse que seu escritório está pronto para enviar equipes ao país africano; pelo menos 816 pessoas foram  detidas; segundo agências de notícias, 22 pessoas perderam a vida em manifestações que aconteceram desde  dezembro.

Escalada da violência no Sudão preocupa especialistas da ONU
BR

Segundo agências de notícias, pelo menos 19 pessoas morreram em protestos que acontecem em diferentes partes do país; sudaneses reclamam da subida de preços dos alimentos e combustíveis.

Situação “continua tensa e volátil” após protestos que provocaram mortos no Haiti

Várias cidades ocorreram manifestações contra o aumento dos preços de combustíveis; missão das Nações Unidas no país diz que vai continuar a coordenar ações com autoridades se a situação assim o exigir.

Protestos na Nicarágua fizeram 250 mortos e milhares de feridos desde abril

Informações são de investigadores que monitoraram direitos humanos até quarta-feira; Escritório das Nações Unidas vai continuar ação no país com a Comissão Interamericana de Direitos Humanos.