pORTUGAL

Para cumprir a Agenda 2030, mundo precisa investir em ciência e tecnologia
BR

Ministro Manuel Heitor da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Portugal participou em simpósio sobre o tema na sede da ONU e defendeu mais recursos para a área para a realização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Especialistas analisam possível Convenção sobre Crimes contra Humanidade

Comissão de Direito Internacional trabalha num projeto de qualificação, cuja versão final deve ser apresentada aos países-membros em 2019, como contou à ONU News, uma das integrantes da Comissão, a jurista portuguesa Patrícia Galvão Teles.

Áudio -

Especialistas analisam possível Convenção sobre Crimes contra Humanidade

Comissão de Direito Internacional trabalha num projeto de qualificação, cuja versão final deve ser apresentada aos países-membros em 2019, como contou à ONU News, uma das integrantes da Comissão, a jurista portuguesa Patrícia Galvão Teles.

Unctad cita “grande oportunidade” para novas tecnologias em países lusófonos
BR

Especialista da agência destaca que deve ser aproveitada a experiência acumulada por Brasil e Portugal; uma em cada seis pessoas está conectada à internet em países como Angola, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Guiné-Bissau.

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Entrevista: Mundo lusófono e desafios na economia da informação

Rolf Traeger é chefe da Sessão dos Países Menos Avançados na Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad.

Áudio -

Unctad cita “grande oportunidade” para novas tecnologias em países lusófonos
BR

O espaço da lusofonia oferece grande oportunidade de expansão de novas tecnologias, segundo o chefe da Seção dos Países Menos Avançados na Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad.

Entrevista: Mundo lusófono e desafios na economia da informação

Rolf Traeger é chefe da Seção dos Países Menos Avançados na Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad.

“O português é a língua mais falada no Hemisfério Sul”, diz Santos Silva
BR

Chefe da diplomacia de Portugal acredita que nas próximas décadas o idioma será oficial em várias instituições internacionais; analistas estimam que 500 milhões de pessoas falem português até o fim do século.

Denise Costa da ONU News, em Nova Iorque.

Áudio -

“O português é a língua mais falada no Hemisfério Sul”, diz Santos Silva
BR

Vídeo: Augusto Santos Silva