OMS

OMS: Porque é que a epidemia do HIV ainda não acabou?*

Conheça a história da infeção; década de 80 marca período negro da doença; anos 90 foram de inovação e novas terapêuticas; últimos anos tem-se apostado no acesso ao tratamento.

OMS: 75% das pessoas que vivem com HIV sabem que estão infetadas

Segundo a agência, há 37 milhões de pessoas infetadas em todo o mundo; OMS recomenda abordagem integrada para erradicar a doença até 2030; especialista explica caso de Portugal.

Casos de sarampo aumentaram no mundo, alerta relatório da OMS
BR

Organização Mundial da Saúde indica surtos graves e prolongados em vários países; doença provocou morte de cerca de 110 mil pessoas em 2017; Europa e Mediterrâneo Oriental tiveram aumento de mais de 400% de casos.

ONU recebeu denúncias não confirmadas de uso de agentes químicos na Síria

Informação foi confirmada pela Organização Mundial de Saúde; de acordo com autoridades locais, 122 pacientes foram recebidos por dois hospitais de Alepo.

RD Congo: Campanha quer baixar impacto de malária em áreas afetadas pelo ebola
BR

Metade de pacientes analisados em centros que tratam ebola apresenta sintomas de malária; província com mais casos de ebola registra mais de 2 mil pacientes de malária por semana.

Jornal da ONU - 26 de novembro de 2018
BR

Áudio -
5'32"

OMS: RD Congo inicia primeiro teste de múltiplos medicamentos contra ebola
BR

Agência colabora com Ministério da Saúde na iniciativa; dados coletados serão padronizados e usados para tirar conclusões sobre segurança e eficácia dos medicamentos.

OMS ajuda a vacinar 650 trabalhadores da saúde no Uganda contra o ébola

Pela primeira vez, processo decorre em território sem registo de um único caso da doença; leste da República Democrática do Congo regista o 10º surto que já provocou 209 mortos.

Família é destaque no Dia Mundial de Combate à Diabetes
BR

Mensagem da Organização Mundial da Saúde fala de impacto da doença na sociedade; mais de 400 milhões de pessoas vivem com a doença no mundo; previsão é que os casos continuem a aumentar.

Agências da ONU revelam danos após intensificação de confrontos no Iêmen

Pacientes e pessoal de saúde foram atingidos por balas perdidas e um estilhaço em hospital de Hodeida; mais de 50 granadas foram lançadas contra instalações que armazenam alimentos no mar Vermelho.