Mulheres e meninas

Países devem acelerar ações para combater casamento infantil e mutilação genital
BR

Práticas nocivas a meninas e mulheres fazem milhões de vítimas todos os anos; relatório Estado da População Mundial 2020, lançado nesta terça-feira, indica que 4,1 milhões serão submetidas à mutilação genital feminina ainda este ano; investimentos de US$ 3,4 bilhões até 2030 podem ajudar a eliminar a prática.

Serviços de saúde materna absorvem mais de 40% de despesas de 5 milhões de famílias

Novo estudo do Unicef é lançado na Conferência Women Deliver 2019; maior conferência mundial sobre igualdade de gênero e saúde reúne cerca de 6 mil representantes até quinta-feira, em Vancouver, Canadá.

Mulheres foram vítimas de 83% dos casos de violência baseada no género em Angola

Denúncias contra homens perfazem 17% em 2018; governo angolano apresentou avanços em áreas como apoio às vítimas, proteção de meninas e registos de nascimento no Comité da ONU para Eliminação da Discriminação Mulher.

Comissão da ONU revela mais provas de violações graves no Sudão do Sul
BR

Delitos descobertos podem ser considerados crimes de guerra e contra a humanidade; investigadores publicam terceiro relatório chamando a atenção para a piora de estupros “de uma forma marcante” em 2018.

Meninas de oito anos estão entre vítimas de estupros no Sudão do Sul

Novos dados da ONU indicam que pelo menos 175 mulheres foram vítimas de abusos no último trimestre de 2018; chefe de Direitos Humanos disse que continuam chegando denúncias de estupro coletivo desde o começo deste ano.

Corpos de 26 mulheres prováveis vítimas de tráfico chegam à Itália
BR

Autoridades de Salerno abriram investigação sobre o caso; diretor de Escritório da Agência da ONU para Migrações, OIM, para o Mediterrâneo declarou ser “muito provável que sejam vítimas de tráfico para exploração sexual”; mais de 2,6 mil migrantes foram resgatados em apenas quatro dias.

Áudio -

Corpos de 26 mulheres prováveis vítimas de tráfico chegam à Itália
BR

Moçambique realiza feira sobre direitos para marcar o Dia da Mulher Africana

Moçambique realiza feira sobre direitos para marcar o Dia da Mulher Africana

Data é celebrada a 31 de julho; ONU Mulheres vai ajudar a emitir bilhetes de identidade e certidões de nascimento para cidadãs nacionais; parceria envolve governos de Moçambique e da Bélgica.

Ouri Pota, da Rádio ONU em Maputo.

Áudio -

Maior encontro global sobre saúde de mulheres e meninas começa esta 2ª feira
BR