Mulheres, Crianças, População

Ajuda da ONU a palestinos pode aumentar, diz Annan
BR

O Secretário-Geral da ONU, Kofi Annan, disse que a ajuda da organização aos palestinos pode aumentar para evitar uma deterioração das condições de vida nos territórios palestinos. Mas Annan também disse que o papel da Autoridade Nacional Palestina continua vital para evitar uma crise humana na região.

As refeições escolares em Angola

Entrevista com Manuel Cristovão, porta-voz do PAM.

Racismo no futebol

Entrevista com Jérôme Champagne, delegado da Federação Internacional de Associações de Futebol (Fifa)

Castigo corporal a crianças em Portugal

Marta Santos Pais do Unicef fala sobre a defesa da proteção infantil.

África precisa de 1,6 milhão de professores até 2015, diz Unesco

A África subsaariana precisa de mais 1,8 milhão de professores até 2015 para cumprir a meta da Organização das Nações Unidas (ONU) de garantir a educação primária para todas as crianças do mundo.

Relatório sugere que crise econômica em territórios palestinos pode levar a aumento de pobreza
BR

Um relatório do Escritório das Nações Unidas sobre a Coordenação do Processo de Paz no Oriente Médio sugere que a crise financeira na Autoridade Palestina pode resultar no aumento drástico da pobreza na região.

Acesso ao tratamento contra o paludismo aumentou em África, segundo OMS

O número de doentes com acesso ao tratamento contra o paludismo aumentou no continente africano, indicou o director regional para África da Organização Mundial da Saúde (OMS), o angolano Luís Sambo.

CS adopta sanções contra quatro líderes sudaneses

O Conselho de Segurança da ONU decidiu sancionar quatro dirigentes sudaneses implicados nas violências em Darfur.

Unicef pede ajuda para remoção de minas anti-pessoais na Colômbia
BR

O Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, está lançando um apelo internacional pedindo doações da ordem de US$ 1, 7 milhões para lançar um programa de desativação das minas anti-pessoais na Colômbia.

ONU confirma o fim da violência no Nepal
BR

O Escritório das Nações Unidas para Direitos Humanos no Nepal indica que foi restaurada a ordem no país, desde que o rei Gyanendra anunciou a suspensão do toque de recolher e a reabertura do parlamento na noite de segunda-feira.