Mia Couto

VÍDEO: Escritores e amantes da poesia contam em versos como enfrentam o covid-19 nesse vídeo produzido para a ONU News
BR

Em autoisolamento, autor moçambicano Mia Couto encabeça lista virtual de declamadores e autores que inspiram solidariedade e resiliência face à pandemia; participantes estão em Moçambique, Brasil, Portugal e Espanha.

Jornal da ONU - 01 de abril 2019

Áudio -
5'39"

Mia Couto: sem esperar por solidariede, moçambicanos “estão produzindo o seu próprio futuro” 

Em entrevista à ONU News, escritor diz que homens e mulheres do país começaram a reconstruir suas vidas depois do ciclone, mas lembra que a tragédia “tem uma escala que Moçambique, sozinho, não consegue suportar”;  acompanhe aqui a cobertura especial da ONU News. 

Escritor moçambicano, Mia Couto

O escritor moçambicano  fala sobre desenvolvimento no seu país, a importância  da língua portuguesa e o papel que os escritores podem ter nesses assuntos. Mia Couto junta sua voz à de líderes de várias áreas nos esforços globais para o sucesso da Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável, ODSs. Para o também poeta e jornalista, a educação deve ter prioridade.  O autor fala também sobre o seu último livro, "A Água e a Águia", lançado no mês de outubro.  

Destaque ONU News Especial - 17 de novembro de 2018

Neste #DestaqueONUNews Especial, veja a conversa com o escritor Mia Couto. O moçambicano fala sobre desenvolvimento no seu país, a importância  da língua portuguesa e o papel que os escritores podem ter nesses assuntos. O autor fala também sobre o seu último livro, "A Água e a Águia", lançado no mês de outubro.   

Não importa o sotaque dominante, mas sim projetar a língua portuguesa em sua diversidade, diz Mia Couto

Escritor declarou que há muito a fazer para que idioma “seja mais aberto para o mundo e o mundo seja mais aberto para a língua portuguesa”; mais de 260 milhões de pessoas se expressam em português em todo o planeta.*

Destaque ONU News - 06 de novembro de 2018

Neste #DestaqueONUNews, Portugal acolhe milhares numa das maiores conferências tecnológicas do mundo; Polícia da ONU procura por reforços de sexo feminino; conhecido como inventor de palavras, autor Mia Couto fala de visão sobre agenda global.

Mia Couto e ODSs: “O mundo está a mudar tão rapidamente que é preciso repensar o projeto da nossa escola”
BR

Ganhador do Prêmio Camões 2013 defende que educação deve ter prioridade nas metas globais; nova obra, A Águia e a Água traduz desejo do autor de um ensino básico  que inspira e prepara o aluno.*

Entrevista: Mia Couto e a língua portuguesa
BR

Entrevista: Mia Couto e a língua portuguesa
BR

Para o escritor Mia Couto, o cultivo da língua portuguesa, é “quase uma militância pela diversidade”.

Traduzido em diversos idiomas, o autor moçambicano, vencedor do Prêmio Camões, falou com a ONU News no Dia da Língua Portuguesa e da Cultura.

Áudio -