Marielle Franco

Ativista brasileira Marielle Franco é lembrada por especialistas, família e políticos

Morte da defensora de direitos humanos ocorreu há um ano no Rio de Janeiro; especialistas dizem que é preciso fazer mais para esclarecer motivos do ataque. *

Especialistas pedem ao Brasil para garantir justiça no caso da ativista Marielle Franco
BR

Ativista de direitos humanos foi assassinada há um ano; dois ex-agentes policiais suspeitos de participar neste assassinato foram detidos; especialistas consideram o crime um ataque à democracia.

Relatores da ONU reagem sobre o assassinato de Marielle Franco
BR

Dez especialistas em Direitos Humanos das Nações Unidas lançaram um apelo conjunto onde pedem a investigação do crime e afirmam que o ato foi uma intimidação aos defensores de direitos humanos.

 

Destaque ONU News - 16 de março de 2018

O #DestaqueONUNews desta sexta-feira é apresentado por Leda Letra.

Nesta edição falamos sobre os tributos à vereadora brasileira Marielle Franco; uma conferência para angariar fundos para uma agência da ONU e a mudança climática e agricultura.

Na ONU, Brasil pede um minuto de silêncio por vereadora assassinada

Tributo foi liderado pela secretária especial de Política para as Mulheres, Fátima Pelaes, num encontro paralelo à 62ª. sessão da Comissão sobre o Estatuto da Mulher, CSW; vereadora Marielle Franco foi assassinada na quarta-feira com quatro tiros na cabeça num ataque que matou também o motorista dela, Anderson Pedro Gomes.

Nações Unidas condenam assassinato de vereadora Marielle Franco

Integrante da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, 38 anos, foi assassinada na noite de quarta-feira num ataque que também matou o motorista dela, Anderson Pedro Gomes, e deixou uma assessora ferida.