Mariângela Simão

Assembleia Mundial da Saúde
BR

Durante essa semana, a Organização Mundial da Saúde está debatendo o fim da Covid-19 e um melhor preparo para futuras pandemias na Assembleia Mundial da Saúde, a mais importante reunião anual da agência. Numa entrevista à ONU News, a diretora-geral assistente da OMS, Mariângela Simão, destacou os principais temas da agenda.

Mortes e casos de Covid-19 se estabilizam em “níveis alarmantes” nas Américas e Caribe 
BR

Na semana passada, foram mais de 1,2 milhão de notificações e 31 mil óbitos na região; países da América Latina representaram as cinco maiores taxas de mortalidade global.  

Diretora da OMS, médica brasileira ressalta papel das agentes de saúde contra a pandemia
BR

Em entrevista, de Genebra, diretora-geral-assistente da Organização Mundial da Saúde, Mariângela Simão, lembra que mais de 70% dos trabalhadores do setor são mulheres, e que elas fazem a diferença na linha de frente do combate à Covid-19. Responsável pela área de medicamentos e vacinas da OMS, Simão parabenizou enfermeiras, médicas e outras profissionais que atuam há mais de um ano no enfrentamento do novo coronavírus. Confira outras entrevistas com mulheres líderes no especial da ONU News sobre o Dia Internacional da Mulher, marcado em 8 de março.
 

OMS encerra segunda semana de envio de vacinas contra Covid da parceria Covax  
BR

Mecanismo da Organização Mundial da Saúde e parceiros quer entregar 2 bilhões de doses a países de rendas baixa e média contra o novo coronavírus; Colômbia foi a primeira a receber nas Américas; Gana, a primeira africana; diretora-assistente da agência, médica brasileira Mariângela Simão, fala em marco para equidade. 

OMS ressalta progressos no acesso a diagnóstico e tratamento da hepatite C
BR

Avanços ocorreram em países de rendas média e baixa com alguns alcançando aumento de 20 vezes no número de pessoas tratadas com antirretrovirais entre 2015 e 2018; após Estratégia Nacional, testes passaram a custar de US$ 1 a US$ 8 por paciente.

ONU quer US$ 35 bilhões para vacinas, tratamentos e diagnósticos contra Covid-19 
BR

Evento virtual da iniciativa Acelerador ACT destaca que US$ 15 bilhões desse montante serão para próximo trimestre; secretário-geral sublinha que investimento ajudaria a evoluir da fase inicial para aumento do impacto das ações contra a pandemia

Covid-19: OMS aponta “nacionalismo de vacinas e risco de aumento de preços”
BR

Diretor-geral da agência revela haver demanda excessiva e competição para fornecimento de futura vacina; agência realça urgência de US$ 31,3 bilhões para aliança internacional que quer garantir uma vacina da Covid-19 para todos.

Profissionais de saúde e idosos podem ter prioridade na imunização da Covid-19
BR

Ao falar sobre uma potencial vacina, a vice-diretora-geral da OMS disse haver consenso sobre ação essencial de trabalhadores na linha de frente e pessoas na terceira idade; OMS estuda protocolos e diretrizes para chegada da imunização.

Entrevista: Dra. Mariângela Simão, vice-diretora-geral da OMS

A Organização Mundial da Saúde, OMS, apresentará marco regulatório sobre alocação de uma vacina contra Covid-19 quando disponível; anúncio deve ser feito ainda este mês, segundo a médica brasileira Mariângela Simão, responsável pela área de Acesso a Medicamentos, Vacinas e Produtos Farmacêuticos da agência.

Guterres grava mensagem em português, importância do isolamento e chegada da tocha olímpica no Japão

Neste Destaque ONU News sobre o coronavírus, secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, diz que o mundo pode vencer esta crise numa mensagem em português. A vice-diretora-geral da OMS, Mariângela Simão, alerta sobre a importância de se cumprir o isolamento social.  E no final, a chegada solitária da tocha olímpica às mãos do Japão.