manifestações

Nações Unidas elogiam formação de novo governo no Líbano
BR

Anúncio dos membros do gabinete do primeiro-ministro Hassan Diab ocorreu na terça-feira; segundo Escritório do Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos mais de 460 pessoas ficaram feridas durante recentes manifestações por mudanças no país.

ONU preocupada com incidentes de violência na Colômbia
BR

Três policiais morreram e vários ficaram feridos num ataque, no fim de semana, no Departamento de Cauca; chefe das Nações Unidas elogiou decisão do governo de iniciar diálogo com a população numa conversação nacional.

Nações Unidas dizem que Chile precisa de “diálogo urgente” para resolver crise
BR

Alta comissária para direitos humanos e ex-presidente do país, Michelle Bachelet, pediu a todos os atores políticos e civis para iniciar diálogo e evitar mais polarização da situação por atos ou gestos; país vive onda de protestos contra aumento do custo de vida.

Haiti: ajuda humanitária suspensa após insegurança causada por protestos
BR

Três semanas de manifestações impediram entrega de merenda escolar pelo Programa Mundial de Alimentos das Nações Unidas, PMA; agência da ONU opera a maior rede de distribuição de comida no país.

Venezuela: ONU  está “extremamente preocupada” com uso de força excessiva sobre manifestantes

Confrontos terão provocado dezenas de feridos;  Escritório de Direitos Humanos destaca que muitas pessoas podem ter sido detidas; ONU apelou às partes que exerçam máxima moderação e pediu solução pacífica aos líderes políticos.

Bachelet quer investigação independente sobre uso excessivo da força em protestos na Venezuela
BR

Pelo menos 20 pessoas morreram e mais de 350 foram detidas nas manifestações desta semana; chefe de direitos humanos pede conversações políticas imediatas para o fim da situação.

Escalada da violência no Sudão preocupa especialistas da ONU
BR

Segundo agências de notícias, pelo menos 19 pessoas morreram em protestos que acontecem em diferentes partes do país; sudaneses reclamam da subida de preços dos alimentos e combustíveis.

Alto comissário da ONU diz que Irã deve investigar mortes em protestos
BR

Em comunicado, Zeid Al Hussein afirmou que as autoridades do país têm que tomar medidas para evitar mais violência e tumultos; segundo ele, os manifestantes têm o direito de serem ouvidos; mais de 20 pessoas morreram.

Monica Grayley, da ONU News em Nova Iorque.

Áudio -

Alto comissário da ONU diz que Irã deve investigar mortes em protestos
BR

Venezuela: Escritório da ONU lamenta mortes no fim de semana
BR