liberdade religiosa

Relator da ONU elogia EUA por reconhecer direitos dos ateus BR

Ahmed Shaheed destaca que muitas pessoas que não acreditam em Deus ainda sofrem com o estigma e até perseguição; presidente Barack Obama assinou emenda que reconhece direito dos ateus de não praticarem nenhuma religião.

Leda Letra, da ONU News em Nova York.

O novo relator especial das Nações Unidas sobre liberdade religiosa, Ahmed Shaheed, elogiou o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, por uma decisão tomada na sexta-feira.