Lei, Crimes & Justiça

Brasil participa de Semana Global de Ação contra Armas Leves
BR

Um grupo de organizações-não-governamentais, ONGs, está participando da Semana Global de Ação contra Armas de Pequeno Porte.

Monuc saúda captura de chefe de milícia na RDC

A Missão da ONU na República Democrática do Congo (Monuc) congratulou-se com a detenção pelo exército congolês de um importante chefe de milícias da região de Ituri, no nordeste do país.

Comissão da ONU contra Tortura pede fechamento de Guantánamo
BR

A Comissão da ONU contra Tortura pediu aos Estados Unidos que fechem a prisão de Guantánamo, em Cuba.

Unesco condena ataque contra Rádio cristã no Quénia

A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco) condenou hoje o ataque da semana passada contra uma rádio cristã em Nairobi, Quénia, durante o qual morreu uma pessoa.

Acnur lança campanha para documentar deslocados da Colômbia
BR

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, lançou uma campanha de emergência na Colômbia para documentar centenas de deslocados no sudoeste do país.

Rebeldes sudaneses recrutaram 4,7 mil jovens e crianças refugiados, diz Acnur

Cerca de 4.700 jovens e crianças refugiados no Chade foram recrutados por rebeldes sudaneses de Darfur desde Março, denunciou quarta-feira o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur).

Comissão de Direito Internacional debate extradição
BR

Dezenas de especialistas da Comissão de Direito Internacional da ONU estão reunidos em Genebra na 58ª sessão da comissão para analisar assuntos como por exemplo extradição e proteção diplomática.

Tropas do Brasil no Haiti vão assumir Cité Soleil
BR

A Missão de Estabilização da ONU no Haiti, Minustah, está organizando a substituição de tropas na comunidade de Cité Soleil, considerada uma das mais violentas da capital do país, Porto Príncipe.

ONU apela ao fim dos combates na capital da Somália

Os membros do Conselho de Segurança da ONU apelaram ao fim dos combates em Mogadíscio, a capital da Somália, que provocaram já a morte de cerca de 120 pessoas.

UA lança apelo ao Governo e rebeldes sudaneses

A União Africana (UA) deu 24 horas aos grupos rebeldes do Darfur para assinarem um acordo com as autoridades de Cartum, sob pena de sanções das Nações Unidas, ao mesmo tempo que convidou o Sudão a aceitar a presença de tropas internacionais naquela região.