Lei, Crimes & Justiça

ONU preocupada com desaparecimento de activista congolês (Português África)

Sylvestre Bwira Kyahi, presidente da ONG Sociedade Civil de Masisi, foi visto pela última vez há uma semana na cidade de Goma, capital da conturbada província de Kivu Norte, no leste do país; a Monusco disse que há notícias de que dois homens fardados forçaram o activista a entrar num veículo militar.

Recentes violações na RD Congo poderiam ter sido evitadas (Português África)

Representante de Ban Ki-moon para a Violência Sexual em Conflitos disse a jornalistas que não pode haver segurança naquele país da África Central enquanto as mulheres não se sentirem seguras; Margot Wallstrom afirmou também que as Nações Unidas deveriam melhorar a sua resposta a este tipo de crimes.

Assembleia-Geral da ONU reforça combate ao tráfico humano

O plano foi lançado, em Nova Iorque, numa sessão aberta pelo Secretário-Geral, Ban Ki-moon; segundo a ONU, milhões de pessoas, a maioria crianças e mulheres, são vítimas deste tipo de crime todos os anos.

Unicef elogia medidas de protecção infantil no Sul do Sudão (Português África)

A Unidade de Protecção de Crianças tem a responsabilidade de assegurar que não existem mais menores nas fileiras do Spla; também trabalhará com parceiros durante o processo de verificação, registo e desmobilização de crianças ainda associadas ao grupo.

ONU lança Plano de Ação Global contra Tráfico de Pessoas (Português Brasil)

Medidas são anunciadas nesta terça-feira durante reunião na Assembleia Geral, em Nova York.

TPI informa Conselho de Segurança sobre visita de Bashir ao Quénia

O líder sudanês foi indiciado pelo tribunal por crimes de guerra e contra a humanidade e por genocídio alegadamente cometidos na conturbada província de Darfur; o tribunal disse que transmitiu a informação sobre o presidente do Sudão para que os Estados envolvidos “possam tomar todas as medidas que considerem apropriadas”.

Relatores da ONU preocupados com execuções na Guiné Equatorial

Três oficiais do exército e um civil foram executados há cerca de 10 dias após a sua condenação por um tribunal militar; segundo o Grupo de Trabalho das Nações Unidas sobre o Uso de Mercenários a execução seguiu-se a um julgamento sumário que não respeitou as normas internacionais.

ONU condena assassinato de candidato nas eleições afegãs
BR

É o quarto candidato parlamentar a morrer na província de Herat; a votação está marcada para 18 de setembro.

Mercado de produtos falsificados movimenta US$ 8,2 bilhões

Dados do Unodc são baseados em apreensões feitas na Europa e em pesquisas com consumidores; agência da ONU alerta também para a fabricação de medicamentos falsos na Ásia.

Perito pede que atacantes somalis respondam na justiça (Português África)

O ataque a um hotel de Mogadíscio fez mais de 30 mortos; responsável de direitos humanos da ONU apela à participação de todos para capturar responsáveis e evitar novos atentados.