kismayo

PMA volta a fornecer alimentos em Kismayo, na Somália
BR

Agência da ONU ficou fora da região por quatro anos devido à insegurança e violência; desde o início deste mês, 15 mil pessoas estão recebendo refeições diárias.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

Áudio -

PMA volta a fornecer alimentos em Kismayo, na Somália
BR